Anderson Silva
Instagram
Anderson Silva

Acabou. O lutador Anderson Silva confirmou oficialmente que a luta de sábado (31), contra Uriah Hall, foi a última de sua carreira. Na ocasião, Dana White, dono da franquia, apontou que errou ao deixar o brasileiro voltar novamente ao octógono

Em mensagem postada no Instagram neste domingo, a lenda do UFC confirmou o fim da carreira em um texto emocionante.

"Hoje é um dia bem diferente por um simples motivo, ME DESPEDIR DE UMA VIDA INTEIRA DEDICADA AO MEU ESPORTE; ontem foi tão especial quanto, subi lá para fazer o que amo, eu não imaginava que iria ficar tão feliz como eu estou, mesmo perdendo, estou com um sentimento de paz, do fundo do meu coração quero agradecer todos vocês, meu time, minha família, meus amigos e todos que viram a luta; saibam que sempre foi uma grande honra lutar todos esses anos com a torcida de vocês!!!", escreveu em uma de suas redes sociais.

O lutador aproveitou para fazer agradecimentos. "Quero agradecer a Deus por ter me concedido o dom da luta! Obrigado meu povo por toda compreensão, por todo apoio de vocês e pelos incríveis momentos que juntos vivemos neste esporte! Gratidão eterna a todos. Espero ter deixado na memória e no coração de cada um de vocês um pouco de quem eu sou, que vocês possam superar dificuldades, cada segundo de incertezas e para superar obstáculos em suas vidas!", continuou o brasileiro.

Por fim, deixou um recado a todos. "Nunca pensem em desistir, por mais que as coisas se tornem difíceis em algum momento, saiba que 'vai passar'. Deixo todo meu amor, todo o meu respeito para vocês! Força e honra sempre! E que Deus abençoe todos vocês! Gratidão a todos vocês, Deus abençoe", escreveu Anderson.

Apontado como o maior nome da história brasileira no MMA e considerado um dos maiores da modalidade em todos os tempos, Anderson Silva deixa um cartel de 34 vitórias, 11 derrotas (a maioria no final da carreira) e uma luta que teve o resultado anulado.

Durante sua história, ele campeão do peso médio, de 2006 a 2013, e teve dez vitórias em defesas de título, até perder para Chris Weidman em julho de 2013. Na revanche, ele quebrou a perna ao tentar acertar um chute no norte-americano.

    Veja Também

      Mostrar mais