Tamanho do texto

Brasileiro comemorou a nomeação em suas redes sociais: "Não existem palavras suficientes para expressar minha alegria"

Três vezes campeão no saibro francês, o ex-tenista Gustavo Kuerten, o Guga, foi nomeado embaixador de Roland Garros com a incumbência de promover mundialmente o Grand Slam da França, conforme anunciou a Federação Frances de Tênios (FTF) nesta quinta-feira.

Leia também: Italiano Marco Cecchinato elimina Djokovic e vai à semifinal em Roland Garros

Guga foi tricampeão em Roland Garros e agora nomeado embaixador mundial do torneio
Divulgação
Guga foi tricampeão em Roland Garros e agora nomeado embaixador mundial do torneio

Único brasileiro a ser número 1 do mundo no ranking da ATP, Guga foi campeão de Roland Garros em 1997, quando estava na posição número 66 e se tornou o tenista com ranking mais baixo a conquistar a competição, 2000 e 2001. Ele agradeceu a chance de poder continuar ligado com o torneio.

Leia também: Tenista bósnio atropela gandula durante partida de Roland Garros; assista

“É uma grande honra e uma enorme oportunidade de continuar essa relação mágica que tenho com Roland Garros, que definitivamente transformou minha vida. Além disso, me ajudou a encontrar e aproveitar sentimentos que até hoje dou muito valor, sensações e memórias como tenista e também como ser humano. Mais uma vez, nós temos a chance de inspirar pessoas ao redor do mundo com paixão, amor e convicção”, disse, durante a cerimônia realizada em Paris, e comemorou também em seu Instagram.

Para o presidente da federação local, Bernard Giudicelli, o ex-tenista brasileiro é o "campeão" que melhor representa o torneio e lembrou que "roubou" os corações do público parisiense "com o seu espírito de luta, a sua amabilidade e seu sorriso emblemático".

Leia também: Marcelo Melo é escolhido o Melhor Atleta do Ano do Prêmio Brasil Olímpico 2017

Conquistas

Na história do segundo Grand Slam do ano, Guga é um dos maiores vencedores. Ele fica atrás apenas de Rafael Nadal, campeão dez vezes, e Björn Borg, que tem seis títulos, maiores triunfantes na Era Aberta do tênis, que começou em 1968. Empatado com o brasileiro, Ivan Lendl, que já treinou Andy Murray, também é tricampeão.