Tamanho do texto

Aos 49 anos, tenista checa morreu cercada pela família em sua cidade natal; Além do título no individual, ela foi tetra por duplas na grama inglesa

A tenista checa Jana Novotna, que chegou a ser número dois do mundo no individual e número um no ranking de duplas da WTA (Associação de Tênis Feminino), além de conquistar o torneio de Wimbledon em 1998, morreu vítima de um câncer, neste domingo, aos 49 anos, em sua cidade natal na República Checa e cercada pela sua família, conforme comunicado da WTA.

Leia também: Tenista revela ter apanhado e levado chicotadas do pai e treinador por 13 anos

Jana Novotna foi campeã de Wimbledon em 1998 e morreu vítima de um câncer
Divulgação
Jana Novotna foi campeã de Wimbledon em 1998 e morreu vítima de um câncer

Na final daquele ano do torneio inglês, a tenista derrotou a france Nathalie Tauziat. Ela jogou também com grandes nomes da modalidade na época, como a alemã Steffi Graf, a argentina Gabriela Sabatini, a checa nacionalizada norte-americana Martina Navratilova e a espanhola Arantxa Sánchez-Vicario.

"Jana foi uma inspiração dentro e fora das quadras para quem teve a oportunidade de conhecê-la. Sua estrela sempre brilhará na história da WTA. Nossas condolências e nossos pensamentos estão com a família de Jana", afirmou Steve Simon, CEO da WTA.

Leia também: Polêmico sorteio no tênis com belas modelos é considerado sexista e grosseiro

Outras tenistas também lamentaram a morte de Novotna como Navratilova, que disse que "o mundo do tênis está muito triste depois da morte de Jana Novotna" e que "não tem palavras", pois "Jana era uma verdadeira amiga e formidável mulher".

"Uma triste perda para o mundo do tênis, mas uma perda devastadora para nós que compartilhamos uma profunda amizade com ela. Uma mulher de integridade e honra. RIP Jana", afirmou a americana Chris Evert.

Homenagem da WTA em seu Instagram

Jana Novotna, 1968-2017

Uma publicação compartilhada por WTA (@wta) em

Carreira

Jana Novotna nasceu em 2 de outubro de 1968 em Brno, segunda maior cidade da República Checa. Sua aposentadoria se deu em 1999 com 24 títulos no individual e 76 nas duplas, sendo 12 em Grand Slam, durante 14 anos no circuito. Ela jogava bem em todos os pisos do tênis e em 1997 ela chegou a ser a segunda melhor do mundo.

Leia também: Falido, ex-número 1 do mundo vai vender troféus de Wimbledon para pagar dívida

Já em duplas, liderou o ranking em várias oportunidades, ale´m de ganhar Wimbledon quatro vezes, sendo duas com Helena Sukova (1989 e 1990), uma com Arantxa Sánchez-Vicario (1995) e uma com Martina Hingis (1997). Nos Jogos Olímpicos de Atlanta, em 1996, Jana Novotna conquistou a medalha de bronze, além da prata nas duplas na mesma Olimpíada e na de Seul, em 1988. Após se aposentar, tornou-se treinadora.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.