A trajetória do Time Brasil em Tóquio-2020 já é a com mais medalhas na trajetória olímpica
Lucas Figueiredo / CBF
A trajetória do Time Brasil em Tóquio-2020 já é a com mais medalhas na trajetória olímpica

Apesar de ser uma noite e manhã não tão movimentadas para brasileiros em Tóquio, o país pode fechar o penúltimo dia de competições com  mais quatro medalhas. Duas já estão garantidas com as finais do boxe com Hebert Sousa e do futebol masculino.

Mas os atletas brasileiros podem beliscar mais dois pódios. Isaquias Queiroz disputa a semifinal da canoagem hoje à noite e, passando, engata na final horas depois. Já a seleção masculina de vôlei disputa o terceiro lugar com a Argentina durante a madrugada.

(Veja na galeria abaixo fotos de Tóquio 2020)


Veja a agenda completa dos brasileiros que competem entre a noite desta sexta e a manhã de sábado:

21h40: Isaquias Queiroz disputa a semifinal do C1 1000m na canoagem. Caso se classifique para a final, o brasileiro volta a competir às 23h50.

Você viu?

22h: A equipe brasileira de ginástica rítmica se apresenta nas classificatórias do grupo geral.

22h: Também neste horário o brasileiro Kawan Figueredo Pereira participa da semifinal dos saltos ornamentais na plataforma de 10m.

1h30: A equipe masculina de vôlei enfrenta a Argentina na disputa pelo bronze.

2h45: O brasileiro Hebert Sousa luta contra o ucraniano Oleksandr Khyzhniak na final do boxe categoria peso médio.

7h00: Os brasileiros hipismo disputam a final de saltos por equipe.

8h30: A seleção brasileira de futebol enfrenta a Espanha na final em busca do bicampeonato olímpico.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários