Ítalo Ferreira
Foto: Julio Cesar Guimarães / COB
Ítalo Ferreira

O brasileiro Ítalo Ferreira teve o privilégio de abrir a primeira bateria de surfe da história das Olimpíadas , neste sábado. Ele, que é o atual campeão mundial do esporte, e o vice-líder do ranking deste ano, se classificou na primeira colocação para as oitavas de final da competição no Japão.

(Veja abaixo galeria de fotos de Ítalo Ferreira)


Contra Ítalo, que fez a pontuação de 12.90, surfaram Leonardo Fioravanti, da Itália; Hiroto Ohhara, do Japão, e Leandro Usuna, da Argentina. O japonês foi quem levou a segunda vaga, com nota de 11.40.

Você viu?

O brasileiro conquistou a vantagem graças a uma manobra chamada de "Aero de Backside com Full Rotation". A manobra é uma das mais pontuadas da categoria, que tem notas variando de 0 a 10.

Gabriel Medina será o último a entrar no mar, neste sábado, na quinta bateria. A dupla brasileira está chaves diferentes, o que permite uma disputa entre os dois pelo ouro olímpico.

Como funciona a competição
Além da dupla brasileira, participam da competição outros 18 atletas que competirão em cinco baterias de 30 minutos, quatro atletas por bateria.

Durante o tempo, cada terá de fazer o máximo de pontos possíveis com manobras. A pontuação varia de 0 a 10 para cada onda surfada. Contudo, apenas as duas melhores ondas concluídas serão somadas para uma pontuação final.

Os dois melhores de cada bateria avançam para as oitavas de final. Vale destacar que a primeira fase não é eliminatória, então os surfistas que forem eliminados nesse primeiro dia ainda terão uma chance de retornar à briga em uma repescagem.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários