Tamanho do texto

Um dos principais símbolos olímpicos dos Jogos Olímpicos chegou nas mãos da governadora da capital japonesa, Yuriko Koike

Bandeira olímpica chega a Tóquio nas mãos de governadora para Jogos de 2020
Reprodução/Twitter/Olympics
Bandeira olímpica chega a Tóquio nas mãos de governadora para Jogos de 2020

Os Jogos Olímpicos do Rio mal acabaram e todos já pensamos e ansiamos pela próxima edição, que será em Tóquio, no Japão. E um dos principais símbolos do grande evento, que deixou a Cidade Maravilhosa logo após o encerramento, já desembarcou na capital japonesa. A bandeira chegou nas mãos da governadora da cidade, Yuriko Koike, que estava no Brasil e participou, inclusive, da cerimônia final dos Jogos Rio 2016, no estádio do Maracanã.

LEIA MAIS:  Comitê Olímpico Italiano pede um minuto de silêncio após terremoto no país

Com a bandeira , a governadora Koike chegou ao Aeroporto Internacional de Tóquio em um dos dois aviões que trouxeram a delegação de autoridades, dirigentes e atletas japoneses que participaram dos Jogos Olímpicos do Rio, onde o tradicional país asiático conseguiu 41 medalhas, dentre elas, 12 de ouro, oito de prata e 21 de bronze e ficou na sexta posição no quadro geral de medalhas.

O objeto, que mostra os cinco tradicionais anéis olímpicos, representando os continentes do mundo, foi entregue para Yuriko pelo presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, e por Eduardo Paes, prefeito do Rio de Janeiro, durante a cerimônia de encerramento dos Jogos. Com muito orgulho, ela desceu as escadas do avião segurando o mastro.

LEIA MAIS:  Festa marca retorno da equipe olímpica britânica após recorde no Rio 2016

"Vamos trabalhar juntos com todos para realizar uma grande Olimpíada e uma grande Paralimpíada. Estou determinada a trabalhar duro para isso", disse a governadora durante o discurso que fez logo após a sua chegada ao Aeroporto de Tóquio. Ela ainda balançou o símbolo olímpico juntamente com outras autoridades do país.

PREPARAÇÃO

Os preparativos para os Jogos de Tóquio estão a todo vapor, porém a capital tem enfrentado vários problemas, um deles foi o abandono do projeto do novo Estádio Olímpico, por ser considerado muito caro.  Por este motivo, a construção da principal Arena dos Jogos está atrasada. Outro imbróglio envolveu o logo oficial do Tóquio 2020, que precisou ser trocado após o original ser acusado de plágio, o que atingiu um dos criadores.

LEIA MAIS:  Com ajuda da Alemanha, mulheres se destacam no hipismo e levam muitas medalhas

Recentemente eleita para governadora da capital japonesa, Koike disse que está comprometida na examinação dos custos para evitar sobrecarregar os contribuintes com tributos. Ela disse ainda que lutará para que todas as instalações construídas para a Olimpíada não sejam abandonadas, tornando-se elefantes brancos, mas que seja aproveitado na cidade como parte do legado.

Ao lado da governadora desembarcou o decatleta Keisuke Ushiro, que participou dos Jogos do Rio e estava com a bandeira do Comitê Olímpico Japonês em mãos.

*Com estadão Conteúdo