Tamanho do texto

Maicon Siqueira ainda tem chance de bronze, mas terá que torcer pelo atleta de Níger na competição

Maicon Siqueira em ação no taekwondo das Olimpíadas
Divulgação
Maicon Siqueira em ação no taekwondo das Olimpíadas

Estadão Conteúdo

Um atleta do Níger foi responsável, neste sábado, por impedir que o Brasil sonhasse com mais uma medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio. Abdoulrazak Issoufou Alfaga venceu Maicon Siqueira por 6 a 1 em duelo válido pelas quartas de final da categoria +80kg do tae kwon do e tirou o brasileiro do caminho da final, neste sábado à tarde, na Arena Carioca 3.

Isso não significa, porém, que Maicon não tenha mais chances de ganhar uma medalha. Ele pode ir para a repescagem caso o africano vença seu próximo confronto e chegue até a final. Pelas regras do taekwondo, diferente do judô, as chaves da repescagem são formadas pelos atletas derrotados pelos finalistas.

"Não consegui alcançar minha meta. É sentar, analisar os adversários e esperar. Torcer para que ele (o nigerino) possa vencer a próxima luta e eu possa buscar o bronze", comentou Maicon, atleta de São Caetano do Sul (SP) que venceu a seletiva nacional para ficar com a vaga destinada ao país-sede, estreou com vitória sobre Stephen Lambdin, dos EUA, na primeira rodada, pela manhã.

Contra o nigerino, fez o primeiro ponto e chegou ao segundo round em vantagem. Aos poucos, porém, perdeu o controle da luta. Levou a virada e foi para o terceiro round perdendo por 2 a 1. Na base do tudo ou nada, nos segundos finais, ainda levou dois golpes. Um deles, um chute na cabeça que até fez sua proteção voar.

Maicon é o último atleta brasileiro a competir no taekwondo. Na quarta-feira, Venilton Teixeira e Iris Sing caíram antes de chegar à disputa por medalhas - o lutador também foi até as quartas. Na quinta, foi a vez de Julia Vasconcelos ser eliminada sem ir longe

Luta anterior

O brasileiro Maicon Siqueira estreou com uma vitória emocionante na disputa do tae kwon do nos Jogos Olímpicos do Rio. Neste sábado, na categoria acima de 80kg, na Arena Carioca 3, ele superou de virada o norte-americano Stephen Lambdin por 9 a 7.

Rio 2016:  Acompanhe os Jogos Olímpicos em tempo real 

Os dois primeiros rounds da luta foram equilibrados, tanto que Maicon Siqueira fechou o inicial em vantagem de 1 a 0 e terminou o segundo empatado em 1 a 1. Já no terceiro, a luta foi franca. E Lambdin parecia muito perto da vitória após fazer 6 a 4.

Fique por dentro: Quadro de medalhas do Rio 2016

Mas a sete segundos do fim, Maicon Siqueira reagiu. O brasileiro acertou um chute no capacete e passou a liderar o placar, fazendo 7 a 6. A virada aumentou a troca de golpes nos instantes, mas quem se deu melhor foi o brasileiro, que triunfou às 9 a 7.