Tamanho do texto

Os equipamentos, avaliados em R$ 1,4 milhão, estavam sendo levados para o Parque Olímpico. Foi o segundo crime envolvendo estrangeiros que estão no Rio de Janeiro por causa da Olimpíada

Estadão Conteúdo

ARD teve equipamentos roubados no Rio
Divulgação
ARD teve equipamentos roubados no Rio

A Polícia Militar encontrou na tarde desta sexta-feira, em Mauá, distrito de Magé (Região Metropolitana do Rio de Janeiro), os dois contêineres com equipamentos de duas emissoras de TV alemãs que haviam sido roubados na noite de quinta , na Avenida Brasil, no Rio. Segundo a Polícia Militar, ninguém foi preso. Os equipamentos estavam intactos.

LEIA MAIS:  Modelo argentina é hostilizada por carregar tocha olímpica

A carreta que transportava os contêineres já havia sido localizada, em Duque de Caxias (Baixada Fluminense). Os equipamentos, avaliados em R$ 1,4 milhão, estavam sendo levados para o Parque Olímpico, onde seriam usados para a transmissão da Olimpíada, em agosto.

Foi o segundo crime envolvendo estrangeiros que estão no Rio por causa da realização da Olimpíada, em menos de duas semanas. No dia 19 de junho, dois membros da equipe australiana de vela paralímpica foram assaltados à mão armada no Rio.

As atletas paralímpicas Liesl Tesch e Sarah Ross foram confrontadas por dois homens quando estavam pedalando com suas bicicletas em um parque do Rio no último domingo. Um dos homens estava carregando uma pistola e as mulheres tiveram suas bicicletas roubadas.

Equipamentos da TV alemã que trabalhará na Rio 2016 foram recuperados
Divulgação
Equipamentos da TV alemã que trabalhará na Rio 2016 foram recuperados


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.