Tamanho do texto

Casa de Gabriel Medina e Miguel Pupo vai ser sede de etapa do Qualifying Series e dará três mil pontos no ranking da divisão de acesso ao vencedor

Maresias vai receber etapa da divisão de acesso à elite do surfe
WSL/ Daniel Smorigo
Maresias vai receber etapa da divisão de acesso à elite do surfe

Agora é oficial! A praia de Maresias, no litoral norte de São Paulo, vai receeber o Hang Loose São Sebastião Pro para fechar o calendário de 2017 das etapas do Qualifying Series na América do Sul. A confirmação foi feita pela WSL e o evento acontecerá entre os dias 1 e 5 de novembro. Com status QS 3000, será a última chance de somatória de pontos no ranking da divisão de acesso à elite do surfe antes da Tríplice Coroa Havaiana. 

LEIA TAMBÉM: Saiba tudo sobre o surfe e estilo de vida do esporte

"Fizemos um empenho muito grande para que nosso município integrasse novamente o Circuito Mundial de Surfe Profissional”, disse o prefeito Felipe Augusto, ao receber o comunicado oficial da etapa da WSL em São Sebastião. “Temos muito orgulho de um morador da cidade, o Gabriel Medina, ter sido campeão mundial e ser hoje um dos nomes expoentes do esporte brasileiro. Vamos fazer de tudo para forjar novos campeões”.

Esta será a oitava vez que a cidade vai receber uma etapa do QS e a terceira da marca Hang Loose na praia de Maresias , que já aconteceram anteriormente nos anos de 1999 e 2000. Depois, outras quatro etapas aconteceram e as últimas foram em 2014 e 2015, com vitórias de Filipe Toledo e Miguel Pupo.

Neste ano, o campeonato em São Sebastião retorna com a Hang Loose, que no ano passado, promoveu o histórico Pro Contest 30 Anos na mesma Praia da Joaquina, em Florianópolis, onde realizou seu primeiro evento em Santa Catarina em 1986. Na ocasião, o vencedor foi o norte-americano Kanoa Igarashi.

Thiago Camarão é o líder do QS sul-americano
Maximiliano Marinucci
Thiago Camarão é o líder do QS sul-americano

Além disso, vai ser na praia de Gabriel Medina, onde será decidido o título do campeão sul-americano profissional do ano. O ranking continental conta com o predomínio de brasileiros. O topo é representado por Thiago Camarão, local da praia de Juquehy, também em São Sebastião . Seguido do peruano Alvaro Malpartida, a terceira, quarta e quinta colocação é composta por atletas canarinhos, sendo Jeronimo Vargas, Gabriel André e Samuel Igo, respectivamente.

LEIA TAMBÉM: Rafaella Teixeira, promessa do surfe e atleta do Instituto Gabriel Medina

Confira o ranking sul-americano do QS:

1º Thiago Camarão (BRA): 1.420 pontos
2º Alvaro Malpartida (PER): 1.030
3º Jeronimo Vargas (BRA): 1.025
4º Gabriel André (BRA): 860
5º Samuel Igo (BRA): 815

LEIA TAMBÉM: "Minha mãe colocou fogo em casa comigo dentro", revela Mineirinho

O campeonato em Maresias promete reunir grandes nomes do surfe brasileiro e mundial. Até o momento, há cinco atletas do país dentre os 10 que se classificam para a elite do esporte. Jessé Mendes, líder do ranking do QS, já garantiu sua vaga por antecipação e Yago Dora, o segundo colocado, está muito próximo de bater o martelo. Michael Rodrigues aparece na quarta posição, Tomas Hermes na sexta e Willian Cardoso na nona.

    Leia tudo sobre: surfe
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.