Tamanho do texto

Como não tem a visão, Derek Rabelo aprendeu a surfar utilizando-se de outros sentidos humanos

Derek Rabelo é cego, mas conseguiu ser um surfista profissional
Divulgação
Derek Rabelo é cego, mas conseguiu ser um surfista profissional


É possível ser surfista profissional sem enxergar? O brasileiro Derek Rabelo, de apenas 23 anos de idade, está provando que sim. O atleta ganhou o nome do primeiro surfista havaiano campeão do mundo, Derek Ho, porque seu pai tinha o sonho de vê-lo brilhando nas ondas, mas ele nasceu cego por conta de um glaucoma e colocou o desejo do pai em dúvida.

+E mais:  Reforço brasileiro na elite do surfe, Caio Ibelli crê em 'bom primeiro ano'

Quando tinha 17 anos de idade, Derek ficou sabendo do sonho do seu pai e resolveu aprender a surfar, mesmo sem ter visão total. "Tinha uma galera que dizia que era perigoso, que eu não conseguiria", disse o brasileiro, que aprendeu o esporte utilizando outros sentidos do ser humano, como tato e audição.

+Confira:  Surfista Kelly Slater se atira ao mar para salvar criança e mulher

"Eu não vejo o mar como você, mas talvez sinta o mar melhor do que você. Cada parte de uma onda possui um som diferente, e a partir deles eu decido para qual lado da onda vou surfar", comentou Derek Rabelo.

Conheça a história do surfista no vídeo abaixo:


    Leia tudo sobre: Surfe