Tamanho do texto

Nadadora é a maior recordista brasileira da história da natação e disputou quatro vezes as Olimpíadas

Joanna Maranhão disputou quatro Jogos Olímpicos representando o Brasil
Reprodução/ CBDA
Joanna Maranhão disputou quatro Jogos Olímpicos representando o Brasil

A nadadora Joanna Maranhão, 31, anunciou,  nesta sexta-feira (27), a sua aposentadoria do esporte.

Leia também: Ryan Lochte é suspenso por violar regra antidoping

Joanna Maranhão divulgou o fim de sua carreira nas suas redes sociais e relembrou com o carinho todo seu período na natação , que começou aos três anos.

A atleta pernambucana é a nadadora brasileira com mais participações em Jogos Olímpicos e detentora do melhor resultado brasileiro na história entre as mulheres quando ficou com o 5° lugar na prova de 400 metros medley, nas Olimpíadas de Atenas em 2004.

Em Jogos Pan-Americanos Joanna Maranhão também teve muito destaque em sua carreira, no total foram oito medalhas, três de prata e cinco de bronze.

Joanna é a maior recordista brasileira na história da natação, além de ser a nadadora sul-americana com maior número de recordes continentais.

Atualmente ela ostenta 11 recordes brasileiros e sete recordes sul-americanos, tanto em piscinas curtas quanto longas, todos estes em vigor.

Leia também: Ex-nadadora olímpica dos Estados Unidos acusa treinador de abuso sexual

Durante sua carreira, a nadadora sempre denunciou os problemas da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) e a maneira que os atletas eram tratados aqui no Brasil.

Devido a estes problemas mais políticos do que esportivos. Joanna Maranhão chegou a se aposentar em 2014, mas voltou atrás em tempo de disputar os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Desta vez, Joanna tem alguns outros motivos para sua aposentadoria, no mês passado a nadadora sofreu um aborto espontâneo e passou a ter que lidar com a depressão.

A pernambucana  tem também um novo foco em sua vida, que é um projeto social em Belo Horizonte para crianças, além do sonho de ainda se tornar mãe.

Leia também: "Já pensei, sim, em suicídio", revela multicampeão olímpico Michael Phelps

Joanna Maranhão presidente?

Nas redes sociais algumas pessoas levataram a possiblidade de Joanna se candidatar a algum cargo político nas eleições, tendo em vista que ela é filiada ao PSOL, mas ela faz questão de negar.