Britnney Griner é condenada a prisão
Reprodução/Twitter
Britnney Griner é condenada a prisão

Um tribunal de Justiça russo condenou nesta quinta-feira (4) a atleta de basquete Britnney Griner (veja fotos na galeria abaixo) a nove anos de prisão por posse de drogas e contrabando.


A pena foi considerada dura para a estrela da WNBA, bicampeã olímpica e 8 vezes All Star com o Phoenix Mercury. A sentença estabelecida para crimes relacionados com drogas no país é de no máximo 10 anos.

Britnney, de 31 anos, terá ainda que pagar a multa de um milhão de rublos russos (cerca de R$ 84 mil reais).

Em suas primeiras declarações, a defesa do jogadora afirmou que estão "muito decepcionados com o veredicto".

A reação dos Estados Unidos foi imediata. O presidente  Joe Biden  descreveu a decisão como "inaceitável" e pediu à Rússia que liberte Griner "imediatamente para que ele possa se reunir com sua esposa, seus amigos e companheiras de equipe".

Griner foi detida em fevereiro, pouco antes do início do conflito entre Rússia e Ucrânia, no aeroporto Sharemétievo, em Moscou, depois que funcionários da alfândega encontraram óleo de cannabis em suas malas.

A jogadora negou a possibilidade de tráfico de drogas, alegando que se tratava de cannabis para uso medicinal para combater a dor de algumas lesões.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários