Com Bale, País de Gales venceu a Ucrânia por 1 a 0
Reprodução/Twitter
Com Bale, País de Gales venceu a Ucrânia por 1 a 0

Com muito drama, um dos maiores jejuns de participação em Copa do Mundo chegou ao fim. Num duelo marcado pela tensão, decidido por um gol contra, País de Gales venceu a Ucrânia por 1 a 0 e ficou com a última vaga europeia para o Catar. Com isso, consegue retornar ao Mundial depois de 64 anos.

Gales ficará no Grupo B da Copa, ao lado de Inglaterra, Estados Unidos e Irã. A última (e única) participação do país no torneio foi na Suécia, em 1958. Na ocasião, a seleção do Norte Europeu caiu justamente para o Brasil de Pelé, nas quartas de final.

A classificação dos galeses vai marcar também a estreia de Gareth Bale no torneio. A estrela da seleção, que a ajudou a obter uma classificação inédita para a Eurocopa em 2016, bateu na trave na tentativa de levá-la ao Mundial em 2018. Agora aos 32 anos, mesmo longe de seu melhor momento no futebol de clubes, atingiu o feito. Foi dele a cobrança de falta que resultou no gol da partida.

Por outro lado, a Ucrânia dá adeus ao sonho de obter uma classificação que também teria um caráter histórico, já que o país é assolado pela invasão russa a seu território. A eliminação foi ainda mais sofrida por ter sido com um gol contra de seu capitão, Yarmolenko, aos 34 minutos.

Ainda assim, os ucranianos saíram de cabeça erguida. Tanto na semifinal da repescagem, contra a Escócia, como neste domingo, contaram com grande apoio do público. Ao final do jogo, os atletas fizeram questão de agradecer aos torcedores que encheram a arquibancada em Cardiff de azul e amarelo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários