Mario Sáenz
Instagram
Mario Sáenz

O Tribunal de Primeira Instância do México condenou a 45 anos de prisão e uma multa de R$ 113 mil o skatista Mario Sáenz, grande nome do esporte olímpico.

Ele seria o responsável pelo feminicídio de Victoria Pamela Salas Martínez, em 2017, no hotel Novo Coapa, em Tlalpan (México). Ainda cabe recurso.

De acordo com as investigações, funcionários do hotel foram ao quarto onde ocorreu o crime para avisar sobre o "check-out". Como não tiveram resposta, entraram e encontraram o corpo da jovem de 23 anos em uma banheira, com o peito cortado, a pele danificada pela água quente e com uma ferida no pescoço. O caso ocorreu um dia antes do 23º aniversário da vítima.

Horas antes, o assassino teria deixado o hotel e alegado a funcionários que Victoria ficaria lá por mais tempo. Câmeras de segurança e relatos dos funcionários do hotel apontam que o acompanhante em questão seria o skatista Mario Sáenz. Ele, porém, sempre negou o fato. Durante as investigações, o esportista chegou a desaparecer e somente um ano e sete meses depois se entregou à polícia.

Leia Também

(Veja fotos do skatista na galeria abaixo)

Mario Sáenz foi considerado culpado por dois dos três juízes na audiência que ocorreu na Prisão Sul, onde permanece preso. Agora, o Tribunal de Primeira Instância deu a condenação. Após a sentença, por meio das redes sociais, os defensores do skatista afirmaram que a Justiça "condenou um homem inocente, enquanto o verdadeiro criminoso ainda está livre".

"Um skatista profissional cujo objetivo era colocar o nome do México em alta nas Olimpíadas está prestes a receber uma sentença por um crime que não cometeu. Testes de DNA, geolocalização e testemunhas comprovam que ele nunca esteve no local do crime", escreveram.

Por sua vez, a mãe da vítima comemorou a sentença. "Mesmo que haja condenação e culpa, isso não devolverá minha filha, mas não destruirá outro lar. É justo não só para Pamela, mas para qualquer mulher que sofre violência de gênero. Toda mulher violada merece justiça", disse.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários