Medina
Divulgação
Medina

O surfista Gabriel Medina, número um do mundo, limitou os comentários de seguidores em seu Instagram após ser cobrado sobre sua vacinação nesta segunda-feira. As manifestações em seu perfil ocorreram ontem depois que ele publicou uma foto ao lado da esposa Yasmin Brunet em uma praia no México, onde vai disputar a penúltima etapa do circuito mundial na temporada.

Em reação às fotos, em que Medina diz estar "aquecendo" conforme a legenda, internautas questionaram se o surfista já tinha tomado a vacina contra a Covid-19. Isso porque o surfista revelou durante uma live que iria perder uma etapa do mundial por não ter sido imunizado. Ele teve ao menos quatro oportunidades para se vacinar, conforme mostrou reportagem do UOL.

(Veja na galeria abaixo fotos do surfista)

Na sexta-feira, Medina se pronunciou e explicou que houve um problema de agenda por isso, não tomou a vacina contra a Covid-19, o que impossibilitará de participar da etapa do Mundial de Surfe no Taiti.

"Vacina salva vidas, galera! Foi um erro meu eu não ter conseguido encaixar a imunização na minha agenda de treinos pros desafios desse ano, focado no Campeonato Mundial. Mas em breve tomarei a minha", escreveu ele no Instagram.

Já classificado para o WSL Finals, Medina anunciou na semana passada que não poderá disputar a próxima etapa, no Taiti, por não ter ser vacinado contra a Covid. A briga pelas outras quatro vagas promete ser dura, com Italo e Filipe em boa vantagem. 

O ranking é liderado por Gabriel Medina, com 46.720 pontos. Italo Ferreira vem em segundo (33.555), seguido por Filipe Toledo (32.065). Os cinco primeiros se classificam para o WSL Finals, evento que é novidade na temporada e vai decidir o campeão mundial em um dia de disputas em Trestles, na Califórnia, em setembro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários