Sterling Brown
Reprodução
Sterling Brown

Após a confirmação que Sterling Brown, armador do Houston Rockets, foi vítima de uma agressão do lado de fora de uma boate em Miami, a polícia divulgou imagens onde ele aparece completamente coberto de sangue.

Na filmagem, que foi capturada na câmera presa ao corpo de um oficial, Brown pressionava constantemente sua camisa contra um ferimento em sua cabeça para tentar estancar o sangramento.

Ele, que poucos minutos antes teria sido atingido na cabeça por uma garrafada, estava claramente irritado com a situação e consistentemente é rude com os policiais, que tentam fazer perguntas sobre o incidente, enquanto ele agita os braços e faz gestos em direção a um dos policiais.

O companheiro de equipe de Brown, Kevin Porter Jr., que está no local, também discute com as autoridades. No vídeo é possível notar que, em um determinado momento, o áudio é cortado. A polícia informou que editou o áudio, já que uma investigação interna foi aberta.

Chama a atenção que a NBA informou que concluiu sua investigação sobre o incidente e anunciou que apenas Porter Jr. foi multado em 50 mil dólares por violar os Protocolos de Saúde e Segurança da liga, que proíbe os jogadores de participar de "reuniões sociais internas de 15 ou mais pessoas e de entrar em bares, salões, clubes ou estabelecimentos semelhantes". Brown não foi punido.

Você viu?

Brown está em seu quarto ano na NBA, sendo selecionado na segunda rodada do Draft de 2017 pelo Philadelphia 76ers. Porém, não ficou muito tempo na Pensilvânia e foi trocado logo depois para o Milwaukee Bucks, time pelo qual disputou suas primeiras três temporadas.

Durante esta passagem, Brown esteve envolvido em uma polêmica com a polícia de Milwaukee, na qual ele acusava oficiais de terem usado força excessiva para prendê-lo em janeiro de 2018. Ambas as partes chegaram a um acordo que incluía o pagamento de US$ 750 mil ao jogador. Além disso, o procurador da cidade de Milwaukee, Tearman Spencer, assumiu que a polícia violou os direitos constitucionais de Sterling Brown.

Assista ao vídeo:




    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários