São Silvestre só será realizada em julho do ano que vem
Peter Leone/Ofotográfico/Agência O Globo
São Silvestre só será realizada em julho do ano que vem

A pandemia da Covid-19 levou os organizadores da São Silvestre a adiarem a tradicional corrida de 31 de dezembro pela primeira vez em 95 anos. Ela acontecerá em 11 de julho de 2021 , informaram os organizadores nesta terça-feira.


Em nota, a comissão responsável pela corrida internacional explica que a decisão foi baseada no cenário de incertezas trazido com o novo coronavírus. "A decisão pela transferência leva em consideração a instabilidade do cenário atual, onde os decretos de quarentena estão sendo postergados, não havendo ainda uma definição de retorno das corridas de rua deste porte até o mês de dezembro", diz o texto.

Essa é a primeira vez que a prova não acontecerá desde sua criação, em 1925. O evento costuma reunir milhares de corredores brasileiros e estrangeiros na capital paulista.

A previsão é que a São Silvestre tenha, na verdade, duas edições em 2021: em 11 de julho e, depois, a tradicional em 31 de dezembro.

Eventos adiados

A pandemia da Covid já adiou outros eventos que costumam reunir multidões todos os anos. Em julho, foram canceladas a Parada LGBT e a Marcha para Jesus. O desfile de carnaval também foi afetado.

    Veja Também

      Mostrar mais