Ângelo Assumpção
Instagram
Ângelo Assumpção segue sem clube desde que foi demitido do Pinheiros

O ginasta Ângelo Assumpção, que acusa o Esporte Clube Pinheiros, seu ex-clube, de tê-lo dispensado por racismo , está desempregado desde então e sua família iniciou uma vaquinha virtual para custear as despesas do atleta que passou a não ter renda nenhuma, nem auxílio governamental.

Até o momento, 271 pessoas o ajudaram com doações individuais no valor de R$ 25.725. A meta era R$ 15 mil. Segundo Ângelo, a vaquinha, que lançou a hastag #JustiçaparaAngelo, continuará no ar até o final deste mês.

— Tô de cara! A situação está tão difícil no país, para todas as pessoas, e estou recebedo este carinho. Muita gente me ajudando, mandando mensagem. Como nosso povo é unido em situações assim. E como é importante denunciar. Está sendo muito gratificante para mim e vejo como não estou sozinho, são histórias semelhantes, infelizmente. A luta anti-racismo é de todos nós — comentou o ginasta.

Em novembro, após 16 anos no clube, Ângelo, atleta que defendeu a seleção e ouro na Copa do Mundo em 2015, na etapa de São Paulo, foi dispensado depois de levar episódios de racismo à direção do Pinheiros.

Casos como o dele ficaram comprovados após a governança do Esporte Clube Pinheiros fezer uma auditoria interna no ano passado. Há cerca de duas semanas parte desse conteúdo foi revelado pela TV Globo. Nenhum profissional do clube foi punido, mesmo que a auditoria tenha revelado a existência de denúncias de injúrias raciais e de assédio moral contra técnicos da equipe de ginástica artística por parte dos atletas.

O presidente do clube, Ivan Castaldi, afirmou que, se ficar comprovado, ao final da conclusão desta auditoria interna, feita por empresa independente, ele poderá mandar embora todos os profisisonais da ginástica do clube envolvidos em denúncias de assédio, maus tratos e racismo. No entanto, ele afirma que ainda não há motivos para tanto, mesmo após evidências apontadas por 16 atletas.

— É incrível como ainda há uma resistência tão grande, mesmo com tantas provas, para tomar uma atitude que é para ontem. O que mais que a gente tem de provar e fazer? — pergunta Ângelo, ao comentar a declaração de Castaldi, que ainda "precisaria de mais fatos novos" para tomar atitudes. — Que triste que nada acontece com essas pessoas e, com a gente, sim, e tão rápido.

Ele chegou a procurar o clube para entender o motivo pelo qual foi preterido mas não conseguiu retorno. Também entrou em contato com outros clubes para tentar se recolocar mas não obteve sucesso.

Muitos doadores tem deixado mensagens de incentivo e apoio ao atleta que está treinando em sua casa, em São Paulo. Como uma modelo que disse ter passado "por uma situação de racismo também recentemente. A gente fica muito triste, mas tenho aprendido sobre união entre os nossos. Se você quiser bater um papo, fazermos uma live juntos dando força as outras pessoas que também passam por isso", escreveu.

Veja algumas das mensagens:

"Quero que você acredite na lei divina, você vai vencer pode ter certeza! Meu filho já sofreu isso, e hoje ele é doutorado em ciências exatas graças a persistência e crença dele."

"Estamos com você, Angelo! Queremos te ver treinando e trazendo muito orgulho para o país!"

"Acredito em vc Angelo! Não desista! Racistas não passarão!"

"Total apoio a sua causa.Admiro sua coragem e torço por bons resultados e conquitas!!"

"Ângelo deveria estar numa equipe da Europa"

"Você não está só, Existem milhares de anônimos que torcem por você. Que Deus o abençoe!"

"Ninguém larga a mão de ninguém!!!! FORÇA, AMIGO"

"Vai dar tudo certo irmão! Não abaixe sua cabeça nem desanime! Continue sempre com esse sorriso lindo que voce tem! Muita força ai pra voce superar tudo!"

    Veja Também

      Mostrar mais