Lance

Jeff Grosso
Reprodução / Instagram Trasher Magazine
Jeff Grosso

O americano Jeff Grosso , considerado um dos maiores expoentes do skate durante os anos 1980, morreu na última terça-feira, aos 51 anos, em Newport Beach. A notícia foi divulgada pela revista "Thrasher". Segundo o "Globo Esporte", a causa pode ter sido infarto. Ele deixou um filho, Oliver, de oito anos.

Leia também: Jogador de Free Fire da Vivo Keyd, Thiago morre aos 21 anos

"Jeff saiu de amador à estrela nos anos 80. Seu último papel foi como apresentador de sua própria série da web repleta de história e fazendo a justiça do skate, sem medo de ofender ou incomodar sua busca por educação, que foi de longe o seu maior legado - perdendo apenas para ser o pai de Oliver", disse a publicação, que lembrou ainda problemas que o ex-skatista enfrentou com drogas, em especial heroína.

Em 2017, Jeff Grosso passou por uma reabilitação após ter sofrido três overdoses. Depois, voltou a ganhar notoriedade na série “Love Letters to Skateboarding”.

O multicampeão Tony Hawk , amigo de Grosso, lamentou a perda.

"É com imensa tristeza que compartilho com vocês o falecimento de Jeff Grosso. Ele era um skatista de verdade em seu interior, uma grande fonte de entretenimento, insight e filosofia valiosa para uma geração mais jovem. Tive a sorte de andar de skate com ele nas últimas quatro décadas e, ocasionalmente, aparecia em sua série "Love Letters". Aqui estão alguns clipes que exemplificam o amor genuíno de Jeff pelo skate e sua atitude renegada. Uma das últimas vezes que falamos, falamos sobre o quão ridículo é que ainda conseguimos fazer isso para viver e que alguém se importa com o que fazemos ou pensamos em termos de skate na nossa idade", escreveu Hawk.


    Veja Também

      Mostrar mais