Tamanho do texto

Rashad Evans fazia discurso durante cerimônia de introdução dos novos membros do Hall da Fama do UFC, quando tremor foi sentido; confira vídeo

Michael Bisping e Rashad Evans, revelados pelo TUF, participaram da cerimônia anual de introdução dos novos membros do Hall da Fama do UFC realizada na última sexta-feira (05), em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Leia também: Maior terremoto dos últimos 20 anos atinge o sul da Califórnia

Tremor
Reprodução/Twitter
Tremor foi sentindo em evento do UFC


Rashad Evans, ex-dono do título dos meio-pesados, relembrou alguns momentos de sua infância e de como iniciou sua carreira, que não agradava muito sua mãe. "Sempre gostei de lutar. Minha mãe lhe diria isso. sou de Nova York e eu lutaria toda semana. Minha mãe descobria e me dava uma bronca (...) Quando disse para ela seria lutador, você pode imaginar a surpresa", contou.

Leia também: Ascensão e queda de "Moicano" são exemplos da magia cruel do MMA

Ele continuou. "Ela não entendia a paixão que eu tinha. Amava lutar, era parte de mim". Mas neste momento foi interrompido pelo tremor causado pelo terremoto que atingiu o estado da Califórnia em 7,1 na escala hitcher, e que balançou os telões do teatro Pearl, no Palms Cassino.

O terremoto aconteceu no sul da Califórnia, a 250 km de Los Angeles, mas foi sentido em cidades vizinhas, como Nevada, onde acontecia a cerimônia do UFC.

Rashad, no entanto, mostrou jogo de cintura e completou seu discurso. "Quando cheguei ao TUF, eu era um natural 84 kg e era um torneio para pesados. O Dana não queria que eu entrasse porque eu era muito pequeno. Ele me viu e disse que eu estava brincando: "Estou esperando caras maiores que essa porta e você com 1,80 m quer estar no meu show?(risos)".


Leia também: Amanda Nunes leva três prêmios no Oscar do MMA; veja todos os ganhadores

Além de interromper o evento do UFC , O tremos também foi sentido na Thomas & Mack, em Las Vegas, onde Zion Williamson fazia sua estreia na Summer League da NBA, deixando o público desesperados. Muitas pessoas deixaram o ginásio e o sistema de som teve que pedir calma.

    Leia tudo sobre: NBA