Manny Pacquiao perdeu o cachorro
Divulgação
Manny Pacquiao perdeu o cachorro

Apontado por muitos como um dos melhores boxeadores do século, Manny Pacquiao sofreu uma grande perda nos últimos dias. O seu cachorro “ Pacman ”, da raça Jack Russell Terrier , morreu nas Filipinas.

O animal, que tinha 14 anos, foi acidentalmente atropelado por um carro e não superou os ferimentos. Segundo informações, o lutador estava voltando para casa de metrô, já que havia bloqueios nas estradas, quando ouviu a notícia. Acredita-se que o atual campeão dos médios da WBA, 41 anos, tenha enterrado Pacman em seu quintal.

Leia mais: Com lutas canceladas, lutadora da UFC vende nudes online. Veja fotos!

O cão era um parceiro regular de treinamento e frequentemente era fotografado com o boxeador.

Campeão em oito categorias diferentes, Pacquiao lutou pela última vez em janeiro. Ele acumula 62 vitórias (39 nocautes), sete derrotas e dois empates. Seu nome é cotado para enfrentar o norte-americano Terence Crawford ou o casaque Gennady Golovkin ainda este ano.

Fora dos ringues, o dono de 12 títulos mundiais de boxe vai concorrer à presidência das Filipinas em 2022. Em 2016, concorreu ao Senado e conquistou a vaga. Nessa ocasião, o "campeão do povo" conseguiu 16 milhões de votos. Ao entrar no Senado pela primeira vez após o pleito, foi apresentado tendo seu nome lido como em uma luta de boxe.

As eleições nas Filipinas para decidir o sucessor de Rodrigo Duterte na presidência acontecerão no dia 9 de maio de 2022. Pacquiao terá 43 anos.

Veja fotos do lutador com o cachorro:



    Veja Também

      Mostrar mais