Jon Jones acaba de se envolver em mais uma polêmica. Dessa vez, Frank Lester, um de seus treinadores, usou as redes sociais para informar que deixou a equipe Jackson-Wink MMA e accusar o campeão do meio-pesado do UFC de lhe dar um calote de mais de US$ 13 mil (cerca de R$ 54 mil) em sua última luta, contra o brasileiro Thiago Marreta. 

Leia também: Mais uma polêmica! Jon Jones é acusado de assédio por garçonete

Jon Jones
Reprodução/Instagram/Agnews
Jon Jones


Na publicação, o treinador promete brigar com o lutador onde quer que o encontre em Albuquerque, nos Estados Unidos.  " Jon Jones e Mike Winkeljohn foram mais sujos comigo do que qualquer um que já vi no mundo da luta. (...)", disse ele.

Leia também: Adesanya provoca Jon Jones: "Agradece a Deus enquanto cheira nos bastidores"

Você viu?

"A única coisa que penso quando ouço seus nomes é covardia e fraude. É (porrada) na rua (quando te vir), Jon. Então mantenha seu segurança próximo, porque nós dois sabemos que você não é homem de verdade. Homens de verdade não roubam de mulheres grávidas e suas famílias", escreveu o treinador , que anunciou que vai abrir sua própria academia na cidade", completou.

Veja o post:

Ver essa foto no Instagram

After 3 different houses, being screwed over by the best team in the world —->> (@jacksonwink_mma) & No.1 lb for lb fighter on the planet @jonnybones on over $13k on his last title fight, myself, my wife & our children Jordan, Braden, & baby on the way Arya, finally have a home big enough for all of us. I have no regrets, I did my job and everybody who has followed my journey knows I did my job, Jon Jones & Mike Winkeljohn just did me dirtier that I have ever even seen in this fight game. But good always prevails over evil and we have a home big enough for all of us. I will be opening TANK Mixed Martial Arts In the next 6 months and we are going to takeover the beautiful city of Albuquerque New Mexico! Karma is real. And Jon, it’s on site with me & you & you know that. You stole from my family. You got me fired from my job for no reason and for that I am grateful bc I will never work for a crook like Mike Winkelloser again. I’m 10X ‘s the coach you’ve ever been. You just bought out Greg’s name and unfortunately JACKSONS was out in the control of a dirtbag. But fuck you all very much! The [email protected] that comes to Ming when I hear your names are, cowardice & deceit. It’s on site JBJ. So keep that security close F><k boy we both know you ain’t no real one. [email protected] don’t steal from pregnant woman & their families. #WARcertified #TANKLIFE #OnSite #RUNit #JBJ

Uma publicação compartilhada por Frank Lester (@thefranklester) em


Leia também: Jon Jones repete finalização contra Lyoto Machida e apaga fã em evento; assista

Jon Jones e Thiago Mareta se enfrentaram no último dia 6 de julhom, no UFC 239, na T-Mobile Arena, em Las Vegas. O americano venceu por decisão e continuou com o cinturão.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários