Tamanho do texto

Dos R$ 259 milhões deixados de herança pelo ídolo do boxe, Muhammad Ali Jr. alega não ter um centavo em seu nome

Muhammad Ali Jr, filho da lenda do boxe com Khalilah Ali
Reprodução/ www.thisischriswhite.com
Muhammad Ali Jr, filho da lenda do boxe com Khalilah Ali

Um ano após a morte de Muhammad Ali, seu filho que leva o mesmo nome mal sentiu o cheiro da herança deixada por seu progenitor, um dos maiores pugilistas da história. A fortuna está avaliada em R$ 259 milhões mas o fruto do primeiro casamento do boxeador com Khalilah Ali só recebeu R$ 8 mil desta quantia.

LEIA TAMBÉM: Lutador é condenado à prisão perpétua por agredir ex-atriz pornô

Aos 45 anos de idade, Muhammad Ali Jr. disse não ter condições de alugar um próprio local e alegou estar morando de favor na casa de um amigo no estado da Flórida, dormindo no chão. "Foi um ano difícil. Isso não é o que o meu pai teria desejado. Ele gostaria que eu estivesse num lugar bom, que eu tivesse um lugar para ficar e o meu próprio dinheiro", disse durante uma entrevista ao jornal britânico "The Daily Mirror".

LEIA TAMBÉM: Dupla humilhação: lutador é nocauteado e ainda apanha da mãe no ringue; assista

De acordo com o filho da lenda do boxe , uma reunião aconteceu na Califórnia com a quarta esposa de Ali, suas sete irmãs e outro irmão adotado. Assim, havia lhe sido prometido uma parcela da fortuna, que deveria ser distribuída igualmente a todos os nove filhos. Ao pedir ajuda, ele afirma que nada foi feito pelos familiares.

"Eu vou viver de água agora, já que é o que eu posso pagar. Conseguir comiga é difícil e eu não tenho um centavo em meu nome", disse Muhammad Jr. Além disso, contou ainda ter sido excluído pela família, tendo tido pouco contato com o pai. 

Ali faleceu em 4 de junho de 2016, aos 74 anos, de choque séptico dois dias após ser internado em estado muito grave com problemas respiratórios em um hospital de Phoenix, no estado norte-americano do Arizona. Ele sofreu, durante os últimos anos de vida, com problemas de saúde, sendo que o Mal de Parkinson o acompanhava desde o início dos anos 1990. Entre o fim de 2014 e início de 2015 foi internado com uma séria infecção urinária.

LEIA TAMBÉM: O último adeus a Muhammad Ali em 30 fotos

Carreira do pai

Melhor do mundo, Muhammad Ali morreu aos 74 anos em decorrência de problemas respiratórios
FACEBOOK / REPRODUÇÃO
Melhor do mundo, Muhammad Ali morreu aos 74 anos em decorrência de problemas respiratórios

Muhammad Ali fez mais de 60 lutas profissionais e finalizou a carreira com um cartel de 56 vitórias e somente cinco derrotas. Foi campeão olímpico nos Jogos de Roma, em 1960. Além disso, conquistou diversas vezes o título dos pesos pesados em muitas organizações do boxe mundial. Protagonizou muitos duelos lendários, entre eles, diante de outro grande pugilista, George Foreman, em 1974, no Zaire. Este confronto ficou conhecido como "a luta do século" e foi um dos melhores combates já vistos no boxe.

    Leia tudo sobre: luta