Tamanho do texto

Jordan Fowler precisou de apenas um golpe para vencer o duelo contra Dylan Goforth e impressionar o mundo da luta em noite de UFC

O lutador amador de MMA Jordan Fowler acerta chutaço em Dylan Goforth durante luta
Reprodução
O lutador amador de MMA Jordan Fowler acerta chutaço em Dylan Goforth durante luta

O UFC 211 agitou o mundo da luta no último final de semana com o duelo que consagrou Stipe Miocic e Joanna Jędrzejczyk como campeões do peso-pesado e peso-palha feminino, respectivamente, da organização. Porém, engana-se quem pensa que só o público de Dallas pôde ver um grande nocaute naquela noite.

Leia também: Saiba tudo sobre Luta no iG Esporte

Isso porque na pequena cidade de Searcy, no estado de Arkansas, nos Estados Unidos, aconteceu na mesma noite o evento de MMA amador Pyramid Fights 2. Nele, o policial Jordan Fowler enfretou Dylan Goforth e aplicou um nocaute espetacular e talvez tenha garantido a melhor performance do fim de semana em uma luta que passaria despercebida até pelos fãs de artes marciais mistas.

Com um chute alto em apenas quatro segundos de confronto, Fowler, que em sua carreira tem quatro vitórias e sete derrotas, venceu o duelo e estabeleceu um novo recorde de nocaute mais rápido do estado. O adversário tem um cartel agora com dois triunfos e dois reveses.

Leia também: Aos 46 anos, ex-campeã da luta nos EUA tem fotos e vídeos de sexo vazados na web 

Assista abaixo

Brasileiro fez parecido

No dia 14 de janeiro de 2012, o brasileiro Edson Barboza enfrentou o inglês Terry Etim no Rio de Janeiro e, no terceiro round, aplicou um chute rodado espetacular que nocauteou o adversário. O golpe lhe rendeu o prêmio de nocaute da noite, luta da noite e nocaute do ano e ficou marcado para sempre na memória dos brasileiros.

Relembre abaixo

Leia também: Musa brasileira da luta faz ensaio sensual inspirada na série "Baywatch"; veja

Outras lutas

No mesmo evento houve ainda outros confrontos, com destaque para a vitória de Jason Witt sobre Wade Johnson na luta principal. Enquanto no UFC 211, o brasileiro Demian Maia venceu Jorge Masvidal e se credenciou para disputar o título dos meio-médios contra Tyron Woodley.

    Leia tudo sobre: luta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.