Tamanho do texto

“Com certeza eu vou estar no evento assistindo da primeira fila, se possível, para desafiar o campeão", afirmou o brasileiro e ex-campeão dos leves

O irlandês Conor McGregor pode fazer história no próximo dia 12 e se tornar o primeiro lutador do UFC a ser dono de dois cinturões. Isso irá acontecer caso o atual campeão dos penas vença Eddie Alvarez, campeão dos leves, em Nova York. Esta é a segunda vez que o irlandês é escalado para uma luta que vale o título dos leves, mas na outra, que seria contra Rafael dos Anjos, ele nem chegou a entrar no octógono.

LEIA TUDO SOBRE LUTA

Rafael dos Anjos quebrou o pé duas semanas antes do evento, marcado para março deste ano, e, em julho, perdeu o título para Alvarez. Já escalado para enfrentar Tony Ferguson neste sábado, na luta principal do  "TUF América Latina 3 Finale", na Cidade do México, dos Anjos, afirmou ao “Combate.com” que irá acompanhar o duelo entre seu algoz e o irlandês da primeira fila.

Rafael dos Anjos acredita que Conor McGregor irá vencer Eddie Alvarez no UFC 205 e conquistar seu segundo cinturão
Reprodução
Rafael dos Anjos acredita que Conor McGregor irá vencer Eddie Alvarez no UFC 205 e conquistar seu segundo cinturão

“Com certeza eu vou estar no evento em Nova York assistindo da primeira fila, se possível, para desafiar o campeão. Eu quero essa oportunidade, acho que mereço essa oportunidade. O Ferguson está vindo de oito vitórias e uma vitória em cima dele vai me credenciar para uma disputa. Com certeza, se o McGregor ganhar, minha luta com ele já está promovida, todo mundo queria ver essa luta. Espero que ele não queira se esconder atrás de mais um cinturão para se aposentar da categoria, travando outra divisão. Espero que ele seja homem o suficiente para botar o cinturão em jogo”, afirmou.

LEIA MAIS:  "Conor McGregor é apenas a mão esquerda", diz Eddie Alvarez

“E se o Eddie Alvarez vencer, também acho que essa é uma luta que as pessoas querem ver. É uma revanche, todo mundo esperava que eu fosse vencer a primeira e, infelizmente, não foi do jeito que eu esperava. Porém, eu sei que tenho mais qualidades, sei que sou o melhor dessa categoria, só que tive um dia ruim de trabalho, mas tenho saúde e disposição suficientes para provar tudo isso de novo e vou reconstruir meu caminho, se Deus quiser”, continuou o brasileiro.

MCGREGOR FAVORITO

O ex-campeão dos leves também deu seu palpite sobre o confronto que marca o retorno do MMA para Nova York e, para ele, McGregor é favorito para vencer.

LEIA MAIS:  Bicampeã olímpica de judô, Kayla Harrison repete Ronda e migra para o MMA

“O Conor McGregor tem grandes chances de vencer essa luta. Ele não tem um bom cardio, mas o Eddie Alvarez também não tem. Então, acho que se o Eddie Alvarez entrar naquele jogo ali de provocação, e ele é um cara que tende a entrar nesse tipo de jogo, o Conor tem grandes chances de ganhar essa luta e, na minha opinião vai ganhar. O meu foco é o cinturão. Eu não foco em lutar com uma pessoa, quero lutar com quem ganhar a luta. O meu foco agora totalmente é no Tony Ferguson, porque eu tenho muita confiança de que vou ganhar essa luta, e acho que a disputa de cinturão tem que ser o meu próximo passo”, finalizou Rafael dos Anjos.

    Leia tudo sobre: luta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.