Tamanho do texto

Norte-americano e campeão dos leves desdenhou do irlandês, que o enfrenta dia 12 de novembro e pode ser o primeiro a ter dois cinturões no UFC

Eddie Alvarez defenderá o cinturão dos leves do UFC contra Conor McGregor em novembro
Divulgação
Eddie Alvarez defenderá o cinturão dos leves do UFC contra Conor McGregor em novembro

Aos 31 anos, o norte-americano Eddie Alvarez fará sua primeira defesa do cinturão peso-leve do Ultimate Fighting Championship no dia 12 de novembro, em Nova York, na edição 205 da organização, diante do irlandês Conor McGregor, detentor do título dos penas e que tenta ser o primeiro lutador do UFC a ter dois cinturões em categorias diferentes.

LEIA MAIS:  Bicampeã olímpica de judô, Kayla Harrison repete Ronda e migra para o MMA

Após ser o primeiro lutador do UFC a vencer o brasileiro José Aldo, Conor McGregor chegou a ter uma luta marcada contra o brasileiro Rafael dos Anjos, onde iria tentar ficar com o cinturão dos leves, mas o confronto acabou desmarcado por uma lesão de Rafael. O europeu então enfrentou Nate Diaz em luta de peso casado válida pelos médios, perdeu e ganhou uma revanche em agosto, quando conseguiu vencer.

Para Alvarez, mesmo com a imensa badalação de McGregor e o apoio que ele recebe do presidente do UFC, Dana White, só há uma coisa que o preocupa, a sua mão esquerda.

LEIA MAIS:  Diagnosticado primeiro caso de danos cerebrais no MMA

“Para mim, é apenas a mão esquerda. Conor é apenas um cara com uma mão esquerda potente. É assim que o vejo. Ele se movimenta muito bem. Mayweather faz isso também, assim como muitos lutadores da Filadélfia. McGregor vive isso e respira isso 24 horas por dia. Muitos lutadores de MMA não sabem dessas coisas de boxe que eles fazem. Esse é um movimento que é muito fácil de se anular e nós vamos dominar cada segundo da luta”, afirmou ao "MMA Roasted Podcast".

LEIA MAIS:  "Ronda é uma pessoa fraca", diz a campeã Amanda Nunes

Eddie, que tirou o título dos leves de Rafael dos Anjos em julho, disse que existe uma estratégia correta para defender seu cinturão pela primeira vez diante de Conor.

“Sem falar sobre a minha estratégia, estou confiante nos meus treinadores, no nosso plano de jogo e na nossa habilidade de entrar lá e fazer o que tem que ser feito. Vamos apenas seguir a nossa estratégia passo a passo”, completou.

CARTEL NO UFC

Antes de entrar no Ultimate em 2014, Alvarez foi campeão dos leves no Bellator. Estreou no UFC com uma derrota diante de Donald Cerrone, mas após duas vitórias, uma em 2015 e outra em 2016, ganhou a chance de disputar o título contra Rafael dos Anjos. Surpreendeu e conseguiu um nocaute técnico ainda no primeiro round. Agora ele tem pela frente Conor McGregor em sua primeira defesa de cinturão.

    Leia tudo sobre: Luta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.