Mbappé
Divulgação
Mbappé

Leonardo não faz mais parte do comando do futebol do PSG . Ao contrário do que era esperado, o ex-jogador, muito criticado pelos torcedores franceses nos últimos meses, teve um adeus discreto.

Fora do campeão francês, o brasileiro deu uma longa entrevista ao jornal L'Équipe e aproveitou para abordar assuntos polêmicos, principalmente em relação a Mbappé .

Embora a relação entre os dois tenha se deteriorado na última temporada, com alguns desabafos do brasileiro que desagradaram Mbappé e o seu staff, Leonardo garante que sua saída não tem ligação com o craque, que, segundo a imprensa francesa, teria exigido a sua saída.

"Minha demissão não está ligado à sua ( Mbappé ) renovação", frisa.

O brasileiro aproveitou para falar de Messi e sobre a surpresa na contratação. “Não esperávamos poder contratá-lo. Foi a única transferência de sua carreira. Você só tem que agradecê-lo por escolher o PSG . Cronologicamente há Pelé, Maradona e depois Messi. Ele está no Olimpo. Quando faço um balanço dos meus três anos no clube, tenho uma final da Champions League, uma semifinal, a décima liga da história, sete troféus nacionais e ainda acrescento o Messi ”, destaca.

Por fim, abordou a dolorosa eliminação para o Real Madrid na Champions League.  “Todos ficaram felizes depois do mercado de verão em 2021. Nuno Mendes, Achraf e Donnarumma, Sergio Ramos, Wijnaldum e Messi chegaram de graça. Infelizmente, tudo foi esquecido pelo resultado na Liga dos Campeões”, lembra com tristeza.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários