Vinícius Júnior é deixado de fora de 11 ideal da final da Champions
Reprodução/Instagram
Vinícius Júnior é deixado de fora de 11 ideal da final da Champions

Real Madrid e Liverpool decidem, neste sábado, o título da temporada de 2021/22 da Champions League. Com passagens marcantes pelos dois clubes, o ex-meia inglês  Steve McManaman (veja fotos na galeria abaixo) montou uma seleção para a final da Champions League com craques dos dois times.


Em entrevista à  Betway, o inglês destacou a boa temporada de Courtois pelo Real Madrid, depois de sofrer com as críticas quando chegou, mas optou por escolher o brasileiro Alisson, do Liverpool. 

Toda a linha de defesa foi formada por atletas dos Reds. O lateral-direito escolhido foi Alexander-Arnold. A dupla de zaga ficou com Van Dijk e Konate – destacando também a possibilidade de ter Matip, do Liverpool –, e a lateral-esquerda ficou com Robertson, mas McManaman deu ênfase ao bom desempenho de Alaba, do Real.

O primeiro jogador do time espanhol a aparecer nesta seleção foi Modric, no meio de campo, ao lado do brasileiro Fabinho e de Henderson, ambos do clube inglês. Thiago acabou ficando de fora, já que, para o ex-meia, o jogador não é necessário com a presença do croata Luka Modric.

No ataque, Mané e Salah, do Liverpool, foram escolhidos para atuar pelos lados, e o francês Benzema, do Real Madrid, foi selecionado para ser o centroavante deste time ideal. O inglês lamentou deixar Vinícius Júnior de fora da lista, mas enfatizou a temporada do senegalês Mané. Sobre Benzema, o destaque foi para 'a melhor temporada de sua carreira'. "Ele está no momento em que tudo que toca vira ouro", brincou. 

O saldo final da seleção foi de nove atletas do Liverpool e apenas dois jogadores do Real Madrid: Alisson; Alexander-Arnold, Konate, Van Dijk, Robertson; Modric, Fabinho, Henderson; Mané, Benzema e Salah. “É o que sinto no momento”, justificou Steve McManaman.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários