Ashley Cole
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Ashley Cole

O ex-zagueiro Ashley Cole foi ouvido em tribunal nesta segunda-feira pouco mais de dois anos após ter sido vítima de um assalto violento. A casa do inglês foi invadida em janeiro de 2020 por um grupo de seis ladrões.

O julgamento pelo roubo foi descrito pelo Ministério Público como "violento e executado impiedosamente".

O ex-jogador do Chelsea contou em seu depoimento, segundo reporta a imprensa britânica, que um dos ladrões ameaçou cortar os seus dedos das mãos com um alicate. Ao tribunal de Nottinghan, Ashley Cole revelou ainda que foi preso com um cabo e arrastado pela casa enquanto os invasores agiam.

A família do antigo jogador do Chelsea e do Arsenal foi igualmente ameaçada, principalmente os filhos.

Entre os acusados ​​está Kurtis Dilks, um homem de 34 anos que teria levando relógios, telefones celulares, dinheiro, fones de ouvido de última geração, uma bolsa Gucci e a chave de um BMW.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários