Nasser Al-Khelaifi causou confusão após a derrota do PSG para o Real Madrid
Reprodução
Nasser Al-Khelaifi causou confusão após a derrota do PSG para o Real Madrid

Após a eliminação do PSG para o Real Madrid nas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, o presidente da equipe parisiense, Nasser Al-Khelaifi (veja galeria de fotos abaixo) , ameaçou um funcionário do time merengue de morte.

De acordo com o relatório do árbitro Danny Makkelie, o dirigente da equipe francesa invadiu o vestiário dos juízes e disparou contra um membro do Real Madrid: "Vou te matar".

O episódio foi filmado por pessoas ligadas ao Real Madrid, que alegaram, ainda, tentativa de agressão.

Parte da imprensa européia afirma que Al-Khelaifi se enganou ao entrar no vestiário do Real Madrid. No momento da 'invasão', seguranças do Real Madrid foram acionados para retirarem o dirigente à força.

Leia Também

"O presidente e o diretor técnico do PSG (Leonardo) mostraram um comportamento agressivo e tentaram entrar no vestiário dos árbitros. Quando o árbitro pediu que abandonassem o local, bloquearam a porta e o presidente atacou deliberadamente a bandeira de um dos assistentes, rasgando-a", divulgou o relatório da arbitragem, exposta no jornal Marca, da Espanha.

O Real Madrid, que viu Mbappé abrir o placar na Espanha para os visitantes, venceu por 3 a 1 com três gols de Karim Benzema.

Com o resultado, o time merengue avança e espera o sorteio das quartas de final. Até aqui, Bayern de Munique, Manchester City e Liverpool são os demais classificados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários