Schalke 04
Divulgação
Schalke 04

A invasão das tropas russas a Kiev, capital da Ucrânia, na manhã desta quinta-feira (24), criou medo e tensão mundo afora. Além de todo contexto político, o conflito entre as nações também interferiu no mundo do esporte.

Após a ação russa, chamada de "operação militar especial" por Vladimir Putin (veja galeria de fotos abaixo) , o Schalke 04, um dos clubes mais tradicionais da Alemanha, anunciou que irá retirar o nome da Gazprom de suas camisas.

Apesar da empresa russa ser uma das maiores exportadoras de gás natural do mundo, o time alemão analisa que o interesse comercial é apontado como uma das motivações da invasão da Ucrânia por parte da Rússia.

"Perante os acontecimentos, desenvolvimento e escalada dos últimos dias, o Schalke 04 decidiu retirar das camisas o  lettering  do seu principal patrocinador, Gazprom. Esta etapa segue as discussões feitas com a Gazprom Alemanha. Em vez disso, "Schalke 04" será utilizado na frente das nossas camisas", informou a equipe, em comunicado oficial.

Sete vezes campeão alemão, o Schalke 04 disputa, atualmente, a segunda divisão da competição nacional. Atualmente, a equipe ocupa a quinta posição, com 40 pontos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários