Daniel Alves e Messi
Divulgação
Daniel Alves e Messi

Após ter seu nome citado sobre um possível retorno ao Barcelona, assunto que se acentuou com a volta de Daniel Alves , Lionel Messi (veja galeria de fotos abaixo) foi duramente criticado por José Elías, fiador do clube.

O presidente da Audax, empresa de energias renováveis que financia o clube, participou do programa La Sotana e explicou os motivos da saída do argentino.

"O fim de Messi podia ser visto. Se não foi no ano passado, foi neste ano, e transformar o Barça em uma equipe vencedora envolve fazer um projeto pós-Messi. Uma decisão teve que ser tomada em algum momento. Messi é velho o suficiente para não estar no Barça e eles me dizem: o que você queria para ele se aposentar aqui?", disse.

Além disso, José Elías, de forma polêmica, ainda questionou as lágrimas do agora craque do PSG na despedida do time espanhol.

"É a lei da vida. E me ferrou no dia em que o Messi foi embora. Mas acho que as pessoas confundiram as lágrimas com o papagaio. Além do fato de que muitas pessoas me disseram que eu não renovei com Messi, que é a maior besteira do mundo. Messi não chorou por não continuar no Barça, mas chorou por uma soma de coisas. Eu fui terminando um ciclo. E a isso se acrescenta que ele fez a vida em Barcelona", concluiu.

Atualmente no PSG, Lionel Messi, aos 34 anos, tem três gols marcados em oito partidas disputadas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários