André Villas-Boas
Divulgação
André Villas-Boas

A seleção de Portugal deixou escapar a classificação para a Copa do Mundo de 2022 nos acréscimos. Agora precisará se dar bem na repescagem para não ficar de fora em 2022. Jogando no Estádio da Luz no último domingo, o time luso perdeu por 2 a 1 para a Sérvia, de virada.

Diante do resultado, a pressão é grande pela demissão do técnico Fernando Santos e nomes já começam a surgir. De acordo com o jornal Record, André Villas-Boas, atualmente sem clube, é o mais cotado e estaria disposto a assumir a função. 

A notícia é ruim para alguns clubes brasileiros, já que o técnico é sempre lembrado para assumir o cargo no Brasil. O São Paulo, inclusive, teria sondado o português após a demissão de Crespo e quase o contratou quando ele deixou o Chelsea. Além disso, Villas-Boas é sempre lembrado pela torcida do Flamengo, após o sucesso do também português Jorge Jesus.

Luís André Pina Cabral Villas-Boas, de 43 anos, chegou a tentar ser um jogador de futebol profissional. Sem muito sucesso ainda como atleta, aos 23 anos se tornou olheiro do Porto, e passou por diversos clubes da Europa na mesma posição. Villas-Boas teve como seu mentor José Mourinho, onde fez parte da comissão técnica do ‘Special One’ como auxiliar no FC Porto, Chelsea e Inter de Milão, ganhando experiência e bagagem na carreira. Foi quando em 2010 ganhou sua primeira oportunidade como treinador, no Academica de Coimbra, onde fez um bom trabalho.

Leia Também

Na temporada 2010/11, foi chamado pelo Porto para comandar a equipe, e lá seu nome ganhou fama na Europa, conquistando pelo time português o campeonato nacional, a Taça de Portugal, Liga Europa e a supertaça de Portugal.

Com seu início surpreendente como técnico, Villas-Boas foi contratado pelo Chelsea na temporada seguinte. Pelo clube londrino não teve tanto sucesso, sendo demitido por apresentar um desempenho abaixo da média e deixar um clima ruim por “bater de frente” com estrelas do elenco, como Frank Lampard, Essien e Drogba, que não gostavam dos métodos do treinador e reclamavam por ficarem na reserva.

Ainda na Inglaterra, o português fez um bom trabalho no Tottenham. Depois, treinou o Zenit e o Shangai SIPG antes de chegar ao Marselha, onde completou recentemente sua 2ª temporada na equipe francesa.

André Villas-Boas soma 353 jogos como treinador, colecionando 211 vitórias, 74 empates e apenas 68 derrotas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários