Loco Abreu sai em defesa de Messi na Argentina
Reprodução
Loco Abreu sai em defesa de Messi na Argentina

Ídolo do Botafogo, Loco Abreu defendeu a liberdade de Lionel Messi dentro de campo. Em entrevista à ‘ESPN’ antes do duelo entre Uruguai e Argentina, que será realizado na sexta-feira (12), o ex-atacante disse que sente o craque do PSG ‘preso’ na seleção, e citou a situação de Diego Maradona na Copa do Mundo de 1986.

“Messi deve ser tratado como Diego (Maradona) em 86. Ele é um amigo e o melhor antes e depois dos anos 90, mas a nossa esperança está em campo. Antes de Scaloni, a Argentina era apenas Messi: ao controlá-lo, você neutralizou o jogo. Hoje existe uma operação coletiva que empoderou as individualidades”, disse ‘El Loco’.


Sobre o sistema tático do Uruguai, Abreu afirmou que a equipe deve voltar às suas ‘origens’ para enfrentar os 'hermanos'.

“O Mestre (Tabárez) deve repensar as estratégias avaliando a Argentina. Imagino um 4-1-4-1 tendo Torreira como eixo central desse esquema. O Uruguai tem que ser uma equipe de respostar e não de proposta. É preciso voltar às bases, ao DNA, que não é chutar, mas recuar para não dar liberdade a Messi e, uma vez recuperada a bola, gerar perigo. É uma estratégia”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários