Ander Herrera
Instagram/Reprodução
Ander Herrera

O companheiro de Neymar e Messi no Paris Saint-Germain, Ander Herrera, foi alvo de um assalto na noite de terça-feira passada, junto ao parque de Bois de Boulogne, na zona oeste de Paris, enquanto dirigia para casa.

O crime, relatado pelo Le Point e confirmado pelo Le Parisien, ocorreu após o empate conquistado pelo clube contra o Olympique de Marseille.

De acordo com as informações, o espanhol parou em um semáforo, momento em que "uma travesti", como o jogador descreveu à polícia, entrou no veículo, sentou no banco do carona e pegou seus pertences pessoais, inclusive um telefone e uma carteira com 200 euros.

O agressor, que portava uma arma, concordou em devolver o telefone, em troca de levá-lo a um determinado local. 

O Bois de Boulogne, um parque localizado na extremidade oeste de Paris, perto do subúrbio de Boulogne-Billancourt, se tornou um foco de crimes. Quase uma dúzia de prostitutas já foram mortas desde 2013, enquanto assaltos e roubos em veículos estacionados são persistentes. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários