Neymar
Reprodução
Neymar

O Bayern de Munique está imerso na renovação do time. Há algumas semanas acertou os novos contratos com Goretzka ou Kimmich, porém, há outras situações pendentes. É o caso de Kingsley Coman, autor do gol do título do clube na Champions League 2019/20, contra o Paris Saint-Germain, fato que levou o brasileiro Neymar às lágrimas ainda em campo.

O ponta francês, de apenas 25 anos, não chegou a um acordo de renovação. Ele pede entre 15 e 16 milhões de euros de salário para ficar, algo que o time alemão não está disposto a pagar, principalmente em virtude de Coman sofrer com diversas várias lesões consecutivas. Ao todo, ele participou apenas de seis jogos na temporadas, quatro na Bundesliga e dois na Liga dos Campeões.

Diante desse cenário, o Bayern está determinado a vendê-lo neste verão, antes que ele possa sair de graça. O contrato vai até 2023 e os alemães querem evitar outro 'caso Alaba'. O zagueiro austríaco deixou o clube bávaro sem custos para o Real Madrid. De acordo com a Transfermarkt, o valor de mercado da Coman é atualmente de 55 milhões de euros.

Enquanto tenta resolver a situação, o Bayern começa a trabalhar para encontrar um substituto e tem dois nomes na mesa: Karim Adeyemi, do RB Salzburg (19 anos), e o brasileiro Antony, do Ajax (21).

Uma possível contratação do ex-São Paulo, aliás, pode ajudar o clube do Morumbi. Isso porque, o tricolor conservou 20% dos direitos econômicos de Antony quando a transferência foi efetuada, em janeiro de 2020. Segundo informações, o Ajax estaria disposto a vender o jogador por 40 milhões de euros, algo em torno de R$ 263 milhões.

No último domingo, o brasileiro marcou um gol e teve boa atuação na goleada do Ajax no principal clássico do futebol holandês diante do PSV. O placar final: 5 a 0.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários