Benzema pode pegar 10 meses de prisão por caso de chantagem e extorsão
Instagram
Benzema pode pegar 10 meses de prisão por caso de chantagem e extorsão

O Ministério Público francês pediu 10 meses de prisão para o atacante Karim Benzema, do Real Madrid. O francês (veja fotos na galeria abaixo) é acusado de ter participado em um esquema de chantagem e extorsão contra Mathieu Valbuena, ex-companheiro de seleção.


Benzema não compareceu  ao julgamento, que teve início ontem (20) e vai até amanhã. O advogado do jogador alega que o atacante francês tinha jogado na noite anterior, contra o Shakhtar Donetsk, pela Liga dos Campeões, e também por estar se preparando para o clássico contra o Barcelona, no domingo.

Além da prisão, a promotoria ainda pede o pagamento de uma multa de até 75 mil euros, ou seja, cerca de R$ 478 mil.

Leia Também

O caso começou em 2015 quando o jogador do Olympiacos, Valbuena, foi ameaçado por ter um vídeo íntimo com a esposa exposto na internet por dois homens, que o cobraram dinheiro (cerca de 150 mil euros) para não divulgar a gravação.

Após a negativa do atleta, os bandidos entraram em contato com Benzema e o atacante teria conversado com Valbuena, na concentração na seleção francesa, dizendo que seria melhor que o meia pagasse o dinheiro para evitar problemas. O jogador merengue afirma que deu apenas um conselho ao companheiro.

Porém, a partir daí, o jogador foi acusado por crime de cumplicidade de chantagem. Diante da repercussão do caso, Benzema parou de ser convocado para jogar por seu país e perdeu a Copa do Mundo de 2018. Ele só voltou a ser chamado esse ano, quando disputou a Eurocopa.

Mas, o julgamento pode significar um novo revés para Benzema, caso ele seja considerado culpado. A Federação Francesa de Futebol sempre defendeu a falta de exemplaridade para afastar Benzema. No entanto, o jogador tem absoluta confiança de que sua versão permanecerá em pé, a tal ponto que decidiu não comparecer ao julgamento, atuar contra o Barcelona e enviar somente os seus advogados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários