Pochettino e Neymar
Divulgação
Pochettino e Neymar

O técnico Mauricio Pochettino tem ao seu lado no PSG os melhores jogadores do mundo. Porém, por mais que isso seja um problema que todo o treinador quer ter, a pressão por resultados e a administração do vestiário não são tarefas fáceis.

Em entrevista a Jorge Valdano, no 'Universo Valdano', ele falou sobre os craques Neymar, Messi, Mbappé e Sérgio Ramos, além do que espera do time na temporada.

“Talvez a realidade de Sergio Ramos seja diferente daquela de 2014, ou de Messi e Neymar. Esses jogadores são grandes campeões, mas têm que se acostumar com a realidade. Todos temos em mente que foram eles melhor, mas eles têm que estar no nível deles. Se eles recuperarem esse rótulo, é claro que podemos conseguir qualquer coisa. Mas a luta começa para encontrar a melhor versão de cada um. A orquestra tem que estar afinada", afirma.

Messi

“É uma figura mundial. Provavelmente o melhor de todos os tempos. Ter o Leão era uma dádiva de vida. Ninguém esperava o seu fim em Barcelona, ​​nem mesmo ele. O presidente, Leonardo e o clube em geral fizeram um excelente trabalho para assinar Messi. Criou uma grande expectativa em Paris e no mundo inteiro. Gosto da sua naturalidade e da sensação de que ele tem que retribuir o carinho que recebeu".

Leia Também

Mbappé

"Sempre vi o clube firme. A ideia era ele continuar conosco e sempre o vi tranquilo. É um grande profissional e respeita a sua situação contratual. O Kylian é inteligente, apesar de jovem pe maduro. Como jogador de futebol, ele é extraordinário. Campeão do mundo. Ele é o presente e o futuro".

Neymar

“Ele tem um ótimo relacionamento com todos. Ele tem um grande coração. Na vida privada ele é sensível, gosta de abraçar as pessoas. Tem uma boa essência. Por outro lado, ele tem aquele lado competitivo, de rua, selvagem. Ele é um cara fabuloso".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários