Jogadores argentinos posam para foto no vestiário e relembram conquista da Copa América sobre o Brasil
Reprodução / Instagram
Jogadores argentinos posam para foto no vestiário e relembram conquista da Copa América sobre o Brasil

Os jogadores da seleção argentina retornaram ao seu país, e foram recebidos como campeões da América.

No vestiário do complexo da AFA, os atletas receberam as boas-vindas depois da confusão que terminou com a  paralisação do jogo contra o Brasil, neste domingo, em São Paulo.

"Em casa e felizes", postou o atacante Di Maria, em sua conta no Instagram. Ao lado de Messi e outros jogadores, como os quatro que estavam irregulares no Brasil, Di Maria mostrou imagens do vestiário da Argentina com o troféu da Copa América e referência ao título conquistado em cima do Brasil.

(Veja abaixo galeria de fotos da final da Copa América)


Em seguida, subiram nas redes quase as mesmas imagens Rodrigo De Paul, Papu Gómez, Lo Celso, Otamendi e Paredes, todos com referência à volta ao país.

Você viu?

"Em casa", postou De Paul.

No desembarque no aeroporto de Ezeiza, Messi e companhia receberam o carinho dos argentinos, segundo relata a imprensa local.

Mais cedo, a Fifa apenas lamentou as cenas de confusão que antecederam a paralisação. Por meio de nota oficial, a entidade afirmou ainda que analisará tudo antes de tomar uma decisão sobre o resultado.

"A Fifa lamenta as cenas anteriores à suspensão da partida entre Brasil e Argentina que impediram milhões de torcedores de desfrutar de uma partida entre as duas das mais importantes nações do futebol no mundo", diz um trecho do comunicado, que é complementado com a Fifa dizendo que vai analisar o caso:

"Os primeiros relatórios oficiais da partidas foram enviados à Fifa. Estas informações serão analisadas pelos órgãos disciplinares competentes e uma decisão será tomada no seu devido tempo".

Caberá à entidade decidir qual será o desfecho do jogo que durou apenas cinco minutos antes de ser interrompida. A decisão será tomada pela Comissão de Disciplina, que vai avaliar se houve W.O. após a saída dos jogadores argentinos do gramado da Neo Química Arena, ou se houve força maior que obrigou a partida a ser suspensa. A decisão será tomara levando em consideração o que estará relatado na súmula da partida, escrita pelo árbitro venezuelano Jesus Valenzuela e pelo delegado da partida.

A partida entre Brasil e Argentina pela sexta rodada das Eliminatórias foi suspensa depois que funcionários da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) entraram no gramado para determinar a deportação de quatro jogadores argentinos que não cumpriram quarentena. Houve confusão com a chegada dos agentes federais e a seleção da Argentina deixou o campo na sequência. O time brasileiro aproveitou para fazer um treino.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários