Diakhaby
Lance!
Diakhaby

Após os jogadores do Valência abandonarem o gramado, depois que o atleta Diakhaby alegou ter sido ofendido com insultos racistas  pelo zagueiro adversário Juan Cala, do Cádiz, a Liga Espanhola anunciou que o caso terá uma solução definitiva.

Para isso, a aposta é na limpeza dos áudios gravados durante o jogo e também por meio da leitura labial de Cala, que foi encomendada a um perito e que corresponderia ao momento em que o jogador de Cádiz dá a volta para regressar ao seu campo.

“Ao longo desta noite ou amanhã haverá mais novidades sobre o tema Diakhaby. Encomendamos a limpeza de todas as gravações para ver o que se pode ouvir naquele momento. E também encomendamos a leitura de especialistas para saber o que Calas diz quando vira, porque algo ele diz", comenta Javier Tebas, presidente da La Liga.

Por fim, o presidente se pronunciou sobre um áudio que tem sido difundido nas últimas horas em que alegadamente se ouviria Cala insultar Diakhaby. "É um minuto e meio depois do incidente e quem o diz tem sotaque sul-americano, por isso não é Cala", garante.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários