Cristiano Ronaldo
Real Madrid C.F. Oficial/reprodução
Cristiano Ronaldo

Por conta do período que passaram juntos no Manchester United, o ex-atacante Dimitar Berbatov conhece bem Cristiano Ronaldoque essa semana marcou mais dois gols na carreira e comando a Juventus na vitória diante do Barcelona.

Ambos dividiam os quartos nas concentrações antes dos jogos na Inglaterra e a dedicação e o profissionalismo do português ficaram marcados para o jogador búlgaro. “Tive a sorte de compartilhar essas temporadas com ele. Treinar com Cristiano Ronaldo sempre foi uma guerra, porque ele não pensei em outra coisa senão ganhar tudo, inclusive os joguinhos que organizamos. Mas, isso não foi ruim, pelo contrário. Cristiano foi um bom rapaz que aumentou o ambiente competitivo da equipe”, afirmou.

O ex-companheiro também falou sobre como era o jogador no convívio diário e sobre os seus sacrifícios que ele fazia para se tornar o melhor do mundo.

“Ele era divertido e carinhoso. Nas festas de Natal que organizamos os jogadores se divertiam muito, mas eu nunca o via ele beber nem nesss dias. Ele se cuidava muito. Você chegava para treinar e ele já estava na academia. Depois, ele ficava após o treino para fazer um trabalho extra chutando a gol. Ele terminava, nadava e voltava para a academia. Ele estava determinado a ser o melhor", continuou Berbatov.

Por fim, o búlgaro falou sobre a proximidade do fim da carreira de Ronaldo e também do argentino Messi. “Quando o Cristiano se aposentar, é claro, outras estrelas vão chegar, mas até que ele e o Messi pendurem as chuteiras, não vamos perceber o tamanho desses dois atletas que vemos todos os dias”, finalizou.

Vale lembrar que o português pode estar voltando para o Manchester United. Nessa semana, foi noticiado que um dos patrocinadores da equipe inglesa teria interesse no seu retorno e estaria disposta a arcar com os seus salários

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários