Após acusar o zagueiro Álvaro González de racismo e i magens provarem , o canal “Gol”, da Espanha, analisou as imagens da partida através da leitura labial e flagrou possíveis insultos homofóbicos do brasileiro contra o espanhol.

De acordo com o vídeo divulgado, o atacante teria chamado o defensor de puta maricon (puto viado, em tradução livre).



A “Téléfoot”, emissora detentora da partida, informou que não encontrou conteúdos racistas nas imagens analisadas. Ainda assim, os trechos serão analisados pela Comissão Disciplinar da Liga de Futebol Profissional da França. O caso não será analisado nesta semana, mas em uma próxima reunião.

    Veja Também

      Mostrar mais