Eric Dier (centro) comemora gol do Tottenham contra o QPR
Sang Tan/AP
Eric Dier (centro) comemora gol do Tottenham contra o QPR

O volante Eric Dier , do Tottenham, foi suspenso por quatro jogos pela Federação Inglesa, após o episódio, em março passado, quando subiu as cadeiras do Tottenham Hotspur Stadium para encarar um torcedor que o criticava.

Na ocasião, o Tottenham , de José Mourinho, tinha acabado de ser eliminado da Taça de Inglaterra diante do Norwich, depois de um empate de 1 a 1 no tempo regulamentar e de ter perdido nas penalidades.

Além da suspensão, o jogador foi multado em R$ 269 mil. O incidente aconteceu antes da suspensão das competições devido a Covid-19.

Após a disputa de pênaltis, o vídeo mostra i inglês subindo nos assentos e enfrentando um seguidor local antes que seguranças e outros fãs o impedissem. Segundo informações, Dier não teria gostado de insultos que o torcedor fez ao seu irmão, Patrick Dier, durante um jogo.

Segundo a Federação Inglesa, o jogador admitiu que suas ações foram erradas, mas negou que elas foram "ameaçadoras". 

Após o incidente, José Mourinho colocou-se ao lado do seu atleta, apesar de reconhecer que a reação de Dier não deveria ter sido aquela. “O Eric Dier fez aquilo que nós, enquanto profissionais, não devemos fazer, mas que, nestas circunstâncias, todos nós faríamos quando alguém te insulta ou a tua família está envolvida, especialmente o teu irmão mais novo”, considerou o técnico português.

O Tottenham é oitavo classificado na Liga, com 48 pontos, a quatro pontos do Wolverhampton, que é sexto, o último lugar de acesso às competições europeias.

Veja a atitude que causou a suspensão:



    Veja Também

      Mostrar mais