Avião sobrevoou o estádio na segunda-feira
Reprodução
Avião sobrevoou o estádio na segunda-feira

O Burnley , que perdeu de 5 a 0 para o Manchester City , na última segunda-feira, pela Premier League, pediu desculpas públicas e também prometeu punir os responsáveis por uma manifestação racista .

Durante a partida, um pequeno avião sobrevoou o Etihad Stadium, carregando um banner com o escrito “ White Lives Matter Burnley ” (Vidas Brancas Importam). A frase ironiza o mote antirracismo “ Black Lives Matter ” (Vidas negras importam), adotado pela Premier League e que ganhou proporções globais após o assassinato de George Floyd , nos Estados Unidos .

O clube alegou que condena veementemente as ações e deixou claro que a pessoa não é bem-vinda no clube.

“Isso não representa de forma alguma o que o Burnley Football Club é. Trabalharemos em conjunto com as autoridades para identificar os responsáveis ​​e emitir proibições vitalícias. Pedimos desculpas sem reservas à Premier League, ao Manchester City e a todos aqueles que ajudam a promover o "Black Lives Matter", afirmou a equipe em comunicado divulgado já no intervalo do jogo.

Todos os jogadores da Premier League substituíram os nomes nas mangas da camisa pela legenda Black Lives Matter em apoio ao movimento.

Como em todos os jogos do campoenato inglês desde que a temporada recomeçou na semana passada, jogadores, treinadores e árbitros se ajoelharam por cerca de 10 segundos antes do apito inicial, na partida desta segunda-feira.

Veja o vídeo:



    Veja Também

      Mostrar mais