O Campeonato Português retorna nesta quarta-feira após quase três meses de paralisação, mas o camisa 10 do Porto se recusa a entrar em campo na partida contra o Familicão. O japones Shoya Nakajima não comparece aos treinos há três semanas, e não deve vestir o uniforme azul e branco tão cedo.

Leia também: Disputa acirrada entre Benfica e Porto marca retorno do futebol português

jogador
Reprodução
Jogador não comparece aos treinos do Porto há três semanas


Segundo o jornal "A Bola", a decisão de não jogar foi do próprio japonês, que alegou problemas de saúde da esposa. Ele preferiu se recolher em casa para não prejudicar a mulher, e seu nome foi excluído da relação para a partida desta quarta.

O treinador da equipe, Sérgio Conceição, não quis entrar em detalhes sobre o caso:

— Nakajima não está no grupo de trabalho. A direção vai tratar da melhor forma a ausência dele e não há muito mais a falar.

Leia também: Ex-São Paulo fala sobre volta do Português e se mostra contra retorno no Brasil

O jogador de 25 anos tem com contrato válido com os Dragões por mais quatro temporadas, e uma cláusula de rescisão de 80 milhões de euros.

    Veja Também

      Mostrar mais