Cristiano Ronaldo arrow-options
Reprodução
Cristiano Ronaldo

O surto de coronavírus na Europa, principalmente na Itália, fez Cristiano Ronaldo decidir não retornar para Juventus por enquanto. Em um comunicado oficial, divulgado na noite desta quarta-feira, a equipe informou que o craque vai permanecer em Portugal à espera de atualizações sobre a pandemia, já que a Itália é o epicentro do Covid-19.

“Cristiano Ronaldo não treinou e permaneceu na Madeira aguardando desenvolvimentos relativos à atual situação de emergência de saúde”, notificou o clube.

A Juventus teve o primeiro caso de jogador infectado pela doença. O zagueiro Daniele Rugani foi contaminado com o coronavírus. O defensor está assintomático, de acordo com relatório médico. Ele é companheiro de CR7 e dos brasileiros Douglas Costa, Danilo e Alex Sandro.

"A Juventus está ativando nas últimas horas todos os procedimentos de isolamentos previstas na normativa", explicou a Velha Senhora.

O defensor tem 25 anos e é cria das categorias de base da Juventus. Ele ficou no banco no clássico contra a Inter de Milão, realizado com portões fechados no último domingo.

    Veja Também

      Mostrar mais