Lance

Santos vence de virada na Argentina arrow-options
Reprodução/Twitter Conmebol
Santos vence de virada na Argentina

O Santos mostrou o espírito de um libertador para largar com pé direito em busca de seu quarto título continental. De virada, com grande atuação de Soteldo e gols de Jobson e do menino Kaio Jorge, este marcando pela primeira vez com a camisa alvinegra, o Peixe bateu o Defensa y Justicia de virada por 2 a 1, nesta terça-feira, no Estádio Norberto Tomaghello, em Buenos Aires.

Com o triunfo fora de casa, o Santos soma seus primeiros três pontos no Grupo B e dá um passo importante pela classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores . No próximo sábado, a equipe paulista enfrenta o Mirassol pelo Paulistão, e na terça-feira, recebe o Delfín-EQU pela competição sul-americana.

DUELO CORRIDO
Foi um primeiro tempo movimentado e de bom nível técnico. O Santos avançava em campo e apertava a saída dos argentinos. Desta forma, conseguiu muitos escanteios, mas poucas chances claras. O Defensa, por sua vez, aproveitava a defesa adiantada dos brasileiros e contra-atacava com qualidade, sempre às costas de Luan Peres. Assim, Botta ficou de cara com Éverson na grande área, mas finalizou nas mãos do goleiro. Depois, Neri Cardozo recebeu bola rolada na meia-lua, pegou firme e acertou a trave. A bola ainda tocou nas costas de Éverson antes de sair, para a sorte do Santos.

O Peixe, respondeu com bomba de Sánchez, que carimbou a zaga à frente do gol rival e gerou pedidos de pênalti. Mas, já nos acréscimos da etapa inicial, o Defensa chegou novamente pelo lado direito de seu ataque. Em cobrança de escanteio, Cardozo colocou na cabeça de Rodríguez, que da marca do pênalti, testou com muita força: 1 a 0.

NO EMBALO DE SOTELDO
O segunda etapa do Santos foi toda de Soteldo. O venezuelano foi muito acionado, e caindo pelas pontas, infernizou a defesa argentina. Primeiro, pela direita, cruzou para Yuri Alberto quase empatar. Em jogada muito parecida, dessa vez pela esquerda, após receber bom passe de Pituca, o camisa 10 colocou na área e Jobson, que veio do banco, raspou de cabeça para deixar tudo igual. 

É O MENINO DA VILA!
A equipe argentina foi à luta pela vitória em casa, e então, foi a vez de o Santos aproveitar o espaço às costas de uma defesa avançada. Soteldo (sempre ele), tabelou com Kaio Jorge e dividiu com zaga. A bola voltou para Kaio Jorge, o garoto de 17 avançou, bateu na saída do goleiro, que ainda tocou na bola, e virou. Vitória santista em Buenos Aires e largada com pé direito em busca do tetra.

    Veja Também

      Mostrar mais