Tamanho do texto

Seleção que eliminou o Brasil na última Copa do Mundo atropelou San Marino nesta quinta-feira

Seleção da Bélgica fez 9 a 0 sobre San Marino arrow-options
Twitter / Perfil oficial
Seleção da Bélgica fez 9 a 0 sobre San Marino

Líder do grupo I das Eliminatórias da Eurocopa 2020 , a Bélgica garantiu vaga na próxima edição do torneio nesta quinta-feira, ao bater San Marino. Em casa, no Estádio Rei Baudouin, os belgas golearam a frágil seleção adversária por 9 a 0.

Leia também: Galvão Bueno corneta empate da seleção contra Senegal: "Fraquinho o futebol"

Lukaku, duas vezes, Chadli, Alderweireld, Tielemans, Benteke, Verschaeren, Castagne e Brolli (contra) marcaram os gols da equipe da Bélgica , que soma agora 21 pontos na chave.

Como esperado, o selecionado belga amassou San Marino durante toda a partida e marcou seis gols só na primeira etapa. Aos 28', Lukaku recebeu passe na entrada da área, driblou a marcação e chutou resteiro no canto para abrir o placar. Três minutos depois, Chadli tabelou com o atacante da Inter e finalizou colocado, marcando o segundo dos belgas. Aos 34', o goleiro de San Marino espalmou uma bola em cima do próprio companheiro, fez terceiro dos anfitriões.

Nos últimos cinco minutos da etapa inicial, a Bélgica conseguiu marcar mais três vezes. Aos 40', Lukaku recebeu na entrada da área, driblou dois marcadores e chutou no canto para transformar o jogo em goleada. Dois minutos depois, Alderweireld aproveitou uma bola mal afastada e arrematou de fora da área, marcando o quinto. No minuto final do primeiro tempo, ainda deu tempo para o sexto gol. Hazard fez boa jogada pela direita e rolou para Tielemans, que estufou as redes.

Na segunda etapa o panorama foi o mesmo e a Bélgica manteve o ritmo. Contudo, diferente dos primeiros 45 minutos, só marcou duas vezes e fechou o placar em 8 a 0. Aos 34, Benteke recebeu na entrada da área e chutou no canto para marcar o sétimo. Cinco minutos depois, Verschaeren marcou o oitavo de pênalti. Nos acréscimos, ainda deu tempo de Castagne marcar o nono e encerrar a goleada.

Holanda leva susto, mas vence de virada

Com um jogo a menos nas Eliminatórias da Eurocopa, a Holanda entrou em campo nesta quinta-feira para enfrentar a seleção da Irlanda do Norte. Em confronto direto pela liderança do grupo C, os holandeses saíram atrás no placar, mas conseguiram a virada no fim da partida por 3 a 1. Depay, duas vezes; e Luuk de Jong marcaram para os anfitriões, enquanto Magennis fez para os visitantes.

Leia também: Alemanha e Argentina empatam por 2 a 2 em amistoso em Dortmund

Precisando da vitória, a Holanda dominou as ações no primeiro tempo e somou mais de 70% de posse de bola, mas pecou nas finalizações. Das oito tentativas do time de Ronald Koeman, apenas uma teve a direção do gol. Uma das chances mais claras ocorreu aos 25 minutos, quando Blind recebeu sozinho dentro da área, mas chutou na rede pelo lado de fora.

No segundo tempo, a Holanda seguiu em cima dos adversários, mas quem abriu o placar foi a Irlanda do Norte. Depois de várias chegadas dos anfitriões, os visitantes marcaram seu gol aos 30 minutos da etapa final. Dallas ganhou uma bola na linha de fundo e cruzou na cabeça de Magennis, que só empurrou para o fundo do gol. No entanto, a alegria dos norte-irlandeses durou apenas cinco minutos. Aos 35', Depay empatou após assistência de Malen.

Nos minutos finais, a Holanda pressionou em busca da virada e conseguiu marcar logo dois gols. Aos 45', Luuk de Jong aproveitou um cruzamento da esquerda e precisou de dois toques na bola para empurrar para o gol. No último minuto de jogo, ainda deu tempo de Depay marcar o segundo gol dele após assistência de Frenkie De Jong. Com o resultado, os holandeses assumiram a ponta do grupo com 12 pontos, mesma pontuação da vice-líder Alemanha.

Croácia passeia em casa

A Croácia venceu a Hungria por 3 a 0 no Estádio Poljud, em Split, pelas Eliminatórias da Eurocopa. Luka Modric e Bruno Petkovic, duas vezes, marcaram para garantir a vitória para a vice-campeã mundial.

O time da casa pressionou desde o começo da partida. Logo aos 5 minutos, Modric roubou a bola do zagueiro e saiu cara a cara com o goleiro para abrir o placar. Bruno Petkovic resolveu a partida e marcou mais duas vezes para sacramentar a vitória ainda na primeira etapa.

O segundo tempo começou com a Croácia administrando a posse de bola com a vantagem no placar. Perisic ainda desperdiçou a chance de fazer o quarto gol ao não converter um pênalti.A Hungria ainda terminou com um jogador a menos quando Kleinheisler foi expulso.

Os croatas lideram o Grupo E com 13 pontos, enquanto que os húngaros perderam a segunda colocação para Eslováquia e estão em terceiro lugar com nove pontos.

A Croácia volta aos gramados contra País de Gales, no próximo domingo, às 15h45 (Brasília). No mesmo dia, a Hungria entra em campo mais cedo, às 13h, para enfrentar a seleção de Azerbaijão.

    Leia tudo sobre: Futebol