A Conmebol divulgou na última quarta-feira (02) os áudios do VAR na partida entre River Plate e Boca Juniors, no Monumental de Núñez, pela semifinal da Libertadores . O recuso foi usada duas vezes na vítoria por 2 a 0 dos donos da casa e causou polêmica.

Leia também: Comentarista argentino ataca Raphael Claus: “Ele não pode ser tão filho da p***”

var
Reprodução/Youtube
Conversa entre árbitro e campo e VAR durante River e Boca


Logo aos 6 minutos, o árbitro brasileiro Raphael Claus precisou do VAR para marcar um pênalti a favor do River e, antes de confirmar a penalidade, disse que não foi "nada".

Leia também: Grêmio e Flamengo empatam em 1 a 1 no jogo de ida da semi da Libertadores


Leia os trechos da conversa do árbitro de cambo com os árbitros do VAR:

VAR (Nicolás Gallo): "Quero ver onde pega, possível pênalti"
ÁBITRO (Raphael Claus): "Para mim, nada"
VAR (Gallo): "Quero ver quem toca a bola primeiro"
AVAR 1 (Rodolpho Toski): "Zona neutra, fase de ataque"
VAR (Gallo): "Preciso ver o ponto de contato"
AVAR 1 (Toski): "Checando possível pênalti. Espere, espere, checando."
VAR (Gallo): "Claus, te convido para a revisão oficial de possível pênalti"
ÁRBITRO (Claus): "Velocidade normal... jogador de número 3, ok, pênalti do número 3"
VAR (Gallo): "Confirmo, número 3"
ÁRBITRO (Claus): "Para mim foi pênalti, confirma número 3"

Leia também: Times mexicanos podem voltar à Libertadores e tirar vaga de equipes brasileiras

O recurso também foi ultilizado na expulsão de de Capaldo, do Boca , já no fim da segunda etapa. O Rive r venceu por 2 a 0 e o segundo jogo acontece na La Bambonera.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários