Tamanho do texto

Kokorin e Mamayev foram detidos em outubro de 2018, após série de agressões, e foram condenados a um ano e meio de prisão; confira mais

Lance

Alexander Kokorin e Pavel Mamayev,  detidos desde outubro de 2018 após uma série de duas agressões, e condenados em maio a um ano e meio de prisão, vão sair em liberdade no próximo dia 17 de setembro.

russos arrow-options
Reprodução
Jogadores da seleção russa Kokorin e Mamayev foram presos em outubro de 2018



Frequentemente convocados para a seleção russa antes da retenção, Mamayev , do Krasnodar, e Kokorin , do Zenit, foram detidos após o ataque a um membro do governo em um estacionamento, em Moscou, e a outro homem em um café da cidade.

Leia também: Cambistas são presos com ingressos de jogos de Fluminense e Flamengo no Maracanã

O tribunal da região de Belgorod entende que "para o propósito de correção, os jogadores não precisam cumprir a sentença na íntegra" e serão libertados caso não haja aversão do ministério público.

"A decisão judicial entrará em vigor dentro de 10 dias, caso não haja recurso", disse a porta-voz do tribunal de Belgorod, Irina Sazonova, à agência Interfax.

Relembre a confusão:


Leia também: Ex-Galo, namorado de Larissa Riquelme pode ser condenado a 24 anos de prisão

Kokorin, que tem 48 convocações para a seleção russa , foi condenado a ano e meio de prisão, enquanto Mamayev foi sentenciado em 17 meses. Ambas decisões foram declaradas em maio e deduzidas do tempo cumprido antes da definição do tempo de sentença.